200 anos das invasões francesas
 
 

O desastre da ponte das barcas

Publicado

Pedro de Brito, Historiador
 

Dado que em Março de 1809 ainda havia pouquíssimos oficiais britânicos nas fileiras das por então desorganizadas unidades do Exército português que se tentaram opor à invasão de Soult, são também raras as referências a este período pelos férteis memorialistas que escreveram sobre a Guerra Peninsular.

Uma precoce presença é a do barão de Eben, que comandava um dos três batalhões do primeiro corpo voluntário português totalmente equipado, fardado e pago pelos ingleses - a Leal Legião Lusitana. Com ele se encontrava o comissário irlandês Henegan, encarregado do aprovisionamento em pólvora e munições. As suas memórias, publicadas em pleno apogeu do romantismo francês, e sofrendo assim a forte influência de Chateaubriand, contêm o seguinte relato, porventura exagerado:

"Esta cena atroz passou-se no Porto:

"Alguns soldados franceses desgarrados tinham sido apanhados pelos portugueses, que para se vingarem duma derrota em parte atribuível à sua cobardia, arrastaram estes desgraçados para a rua principal, a Rua Nova, e aí os mataram barbaramente, crucificando-os de cabeça para baixo, para além de os mutilarem da forma mais horrível.

"Quando três dias depois o Exército francês forçou as defesas do Porto, não só o espectáculo dos seus compatriotas assassinados logo se lhes apresentou mas, como para provocar ao máximo as malvadas paixões da força invasora, aqueles soldados portugueses que tinham fugido a enfrentar os franceses em campo aberto, faziam agora fogo dos telhados, aumentando com cada tiro a fúria dos franceses que passavam em baixo, e que cedo se manifestou fazendo correr rios de sangue.

Ler Artigo Completo(Pág.1/2) Página seguinte
 
 
FERRAMENTAS
ESTATÍSTICAS
Patrocínio

Comentar
Caracteres Disponíveis: 750
Enviar Comentário
Obrigado! O seu comentário ficará visível dentro de momentos.
Ocorreu um erro. Tente novamente mais tarde.

Nota: Os comentários deste site são publicados sem edição prévia e são da exclusiva responsabilidade dos seus autores.
Consulte a Conduta do Utilizador, prevista nos Termos de Uso e Política de Privacidade. O JN reserva-se ao direito de apagar os comentários que não cumpram estas regras. Aparecer como anónimo - os dados (nome e-mail) são ocultados.
Os comentários podem demorar alguns segundos para ficarem disponíveis no site.

NOS ConferênciaPrémioInovaçãoNOS - JN Destaque
PEPE Jornadas Empreendedorismo Turismo - JN Destaque
BT Edições Multimédia
 
1ª Liga
1|Benfica46
2|FC Porto40
3|Sporting39
4|V. Guimarães35
5|Sp. Braga34
6|Belenenses27
7|P. Ferreira26
8|Estoril25
9|Rio Ave24
10|Moreirense24
11|Marítimo23
12|Nacional21
13|Boavista19
14|V. Setúbal17
15|Arouca15
16|Académica12
17|Penafiel12
18|Gil Vicente10

Serviços


10º
HOJE, 31 de Janeiro

Amanhã11º |
Segunda12º |
Terça11º |
Quarta11º |

 

banner Barómetro Tomar o pulso ao país



Controlinveste Conteúdos, S.A. Todos os direitos reservados
Termos de Uso e Política de Privacidade |  Ficha Técnica |  Quem Somos |  Contactos |  Webmaster This website is ACAP-enabled