Educação para a delação
07.05.2012
Manuel António Pina

Mais tarde ou mais cedo tinha que acontecer algo assim. Conta o "Público" que uma escola do 1.oº Ciclo pôs alunos (crianças entre os 6 e os 10 anos) a fazer patrulhas durante as horas de recreio, com instruções, acusam os pais dos alunos de uma turma do 4.oº ano, como "tomar nota do nome dos colegas que apresentam comportamentos inadequados", nomes depois "colocados em local público para que toda a comunidade escolar tenha conhecimento dos mesmos". E, pelo andar que as coisas levam em Portugal, ainda vamos no princípio...

Fardadas com uma "t-shirt" com a inscrição "PSP", significando "Patrulha de Segurança do Pontal", as crianças da escola do Pontal (Portimão), duas por turma, são enquadradas por graduados, digo, professores, devendo efectuar "rondas no recinto escolar nos horários críticos da escola, valorizando sempre o diálogo".

Os pais contestatários pensam antiquadamente que "as crianças têm como principal função aprender, tendo direito a um intervalo para brincar; não têm de 'espiar' os colegas". Presume-se que a maioria, ciente da sociedade de novo tipo hoje em construção, veja na educação para a delação dos seus rebentos apenas a preparação destes para um paisano futuro profissional brilhante a denunciar colegas de trabalho ou, se fardado, a espancar manifestantes e jornalistas "valorizando sempre o diálogo".

ver todos os artigos do autor
 



foto Global Imagens

Patrão e funcionárias salvam as máquinas

ROBERTO BESSA MOREIRA
Viveram-se momentos de tensão, ao longo do dia de quinta-feira, numa fábrica têxtil situada em Campo, Valongo. Veja as imagens.
 
 
Cartoon Elias o sem abrigo de R. Reimão e Aníbal F. 31-07-2015

Aviação turca ataca intensamente posições curdas

Dezenas de aviões de combate F-16 da força aérea turca atacaram novamente posições dos rebeldes curdos do Partido dos Trabalhadores do Curdistão no norte do Iraque.

Lucro da CGD baixa 57% para 47,1 milhões

A Caixa Geral de Depósitos registou um resultado líquido de 47,1 milhões de euros entre janeiro e junho, um recuo de 57% face ao lucro de 110,1 milhões de euros no período homólogo de 2014.

Propostas para o Novo Banco podem ser melhoradas até dia 7

O Banco de Portugal decidiu que os três interessados na compra do Novo Banco que estão selecionados para o efeito podem melhorar as respetivas propostas vinculativas até ao dia 7 de agosto.

Inquérito

A devolução da sobretaxa de IRS é uma medida eleitoralista?

Sim
Não

Dossiês

Regata Barcos Rabelo
Regata Barcos Rabelo
A detenção de Sócrates
A detenção de Sócrates
Português atual
Português atual

Emirates Microsite 15destinos destaque JN
Praia a Praia TSF - Destaque JN
PEPE Fazemos Bem - JN Destaque300x100 (Bial)
 

Serviços


23º 14º
HOJE, 31 de Julho

Amanhã24º |15º
Domingo22º |14º
Segunda23º |15º
Terça22º |13º

 



Global Notícias - Media Group S.A. Todos os direitos reservados
Termos de Uso e Política de Privacidade |  Ficha Técnica |  Quem Somos |  Contactos |  Webmaster This website is ACAP-enabled