Atualização das rendas antigas conta agora com um escalão intermédio

 | 08.05.2012 - 01:19
O Governo introduziu um escalão intermédio para a atualização das rendas antigas. Neste novo escalão, a renda máxima para quem tem rendimentos brutos entre 501 e 1500 euros será de 255 euros.
 
Atualização das rendas antigas conta agora com um escalão intermédio
foto Adelino Meireles/Global imagens

Os agregados familiares, com um contrato de arrendamento anterior a 1990, cujo rendimento bruto seja entre 501 e 1500 euros verá a sua renda atualizada até ao valor máximo de 255 euros, ou seja o equivalente a uma taxa de esforço de 17%. Esta é uma das alterações que o Governo apresentou à proposta de Lei do Arrendamento, aprovada na generalidade a 16 de fevereiro.

Leia mais na edição e-paper ou na edição impressa

 
 
Conferência 3º Aniv DV - JN Destaque 300x100
Fazemos Bem JN 300x100
BT Edições Multimédia
 
subscreva já
newsletter diária jn
Receba diariamente no seu e-mail a Newsletter do JN e alertas de última hora

 
 
VER VÍDEO
Reportagens

A pesca é gosto que fica no corpo

Artes e VidaNa cozinha que valeu estrela Michelin
AtualidadeVítimas marcham contra violência doméstica
Mais Economia
23.11.14
Os trabalhadores que ganham o salário mínimo terão direito a receber um subsídio de Natal equivalente a 505 euros, mesmo que tenham optado pelo regime...
22.11.14
A Autoridade Tributária realizou, na noite de sexta-feira e madrugada de sábado, uma inspeção surpresa a oito restaurantes e bares portuenses com...
22.11.14
Os serviços de água vão ter de aplicar obrigatoriamente tarifas sociais a partir de 2016, mas o regulador acredita que muitos vão fazê-lo voluntariamente...
21.11.14
Em dois meses, quase cinco mil pessoas perderam o direito a receber o Rendimento Social de Inserção, segundo os dados do Instituto da Segurança...


Controlinveste Conteúdos, S.A. Todos os direitos reservados
Termos de Uso e Política de Privacidade |  Ficha Técnica |  Quem Somos |  Contactos |  Webmaster This website is ACAP-enabled