Consórcio luso-canadiano ganha concessão para prospeção de ouro em Jales/Gralheira

05.07.2012 - 17:42
A Direção-Geral de Energia e Geologia atribuiu, esta quarta-feira, concessões de exploração e prospeção de ouro em Jales/Gralheira (no concelho transmontano de Vila Pouca de Aguiar) à firma canadiana Almada Mining, em consórcio com a portuguesa EDM.
 
Arquivo/JN
Minas de Jales foram as últimas de onde se extraiu ouro em Portugal (imagem de 1983)

Segundo um comunicado da DGEG, a Almada Mining e a EDM ganharam um concurso para uma área de exploração experimental pelo período de três anos em Jales/Gralheira, e os direitos de prospeção e pesquisa numa outra área adjacente.

A DGEG estima que "o investimento associado a este processo poderá atingir os 66 milhões de euros, prevendo-se na fase de exploração a criação de 100 postos de trabalho diretos e 250 indiretos".

O vice-diretor-geral da DGEG, Carlos Caxaria, dissera à Lusa que sete empresas tinham manifestado a intenção de apresentar esta quarta-feira propostas pelas concessões de Jales/Gralheira.

A DGEG assinou também outros quatro contratos de concessões de recursos minerais. A Almada Mining recebeu duas concessões para a exploração experimental e prospeção de ouro, prata e outros metais em Banjas (Aljustrel); a EDM obteve uma concessão para a prospeção em Monte das Mesas (Aljustrel); e a MAEPA ganhou uma concessão para prospeção de tungsténio, ouro e outros metais em Arcas (Valpaços/Chaves).

As minas de Jales, que fecharam em 1992, foram as últimas de onde se extraiu ouro em Portugal.

Com o fim da exploração muitos trabalhadores ficaram sem os seus empregos e as escombreiras, deixadas a céu aberto, revelaram ser prejudiciais à saúde pública. No entanto, o aumento do preço do ouro nos mercados internacionais poderá tornar novamente rentável a exploração.

Ler Artigo Completo
 
 
EntrepostoCRP SemanaCliente - JN 300x100
Unibanco - JN 300x100
Empresas na Caixa 300x100 JN
BT Edições Multimédia
 
subscreva já
newsletter diária jn
Receba diariamente no seu e-mail a Newsletter do JN e alertas de última hora

 
Mais Economia

Comentários
Reacções no Twitter
Comentar

Caracteres disponíveis: 750

Receber alerta de resposta Aparecer como Anónimo
Lembrar dados Pessoais

Nota: Os comentários deste site são publicados sem edição prévia e são da exclusiva responsabilidade dos seus autores. Consulte a Conduta do Utilizador, prevista nos Termos de Uso e Política de Privacidade. O JN reserva-se ao direito de apagar os comentários que não cumpram estas regras. Aparecer como anónimo - os dados (nome e-mail) são ocultados. Os comentários podem demorar alguns segundos para ficarem disponíveis no site.

Se tem conta, faça Login

Email

Password

Legenda

Utilizador RegistadoUtilizador Registado    Utilizador Não RegistadoUtilizador Não Registado






Controlinveste Conteúdos, S.A. Todos os direitos reservados
Termos de Uso e Política de Privacidade |  Ficha Técnica |  Quem Somos |  Contactos |  Webmaster This website is ACAP-enabled