Renamo acusa Frelimo de ataques e ameaça retaliar

28/04/2009
Partido no poder suspeito de  treinar guardas fronteiriços para atacar residências dos guardas de altos dirigentes do partido da Oposição.
 
TAGS

A RENAMO acusou a FRELIMO, partido no poder, de treinar guardas fronteiriços para atacar residências dos guardas de altos dirigentes do principal partido da oposição moçambicana, em Maringué e Cheringoma, em Sofala, centro, e ameaçou retaliar.

Em declarações aos jornalistas, o secretário-geral da RENAMO, Ossufo Momade, disse ter informações de "fontes fidedignas do partido espalhadas pelo país", dando conta de um contingente de guardas de fronteira treinados em Maputo com esse propósito.

"Informações fidedignas confirmam a existência de um grupo de elementos da guarda fronteira treinados recentemente com intuito de tomar de assalto as residências dos guardas de altos dirigentes da RENAMO nos distritos de Maringué e Cheringoma", disse.

 
 
 
subscreva já
newsletter diária jn
Receba diariamente no seu e-mail a Newsletter do JN e alertas de última hora
subscrever

 
 
Mais Mundo
03.07.15
Os EUA estão a reforçar a segurança em todo o país e a incitar as pessoas a estarem alerta durante o feriado do dia da Independência, que se celebra...
03.07.15
Mais de 1300 estrangeiros em situação ilegal foram expulsos de Angola na última semana de junho, um aumento de quase 400 casos numa semana.
Comentar
Caracteres Disponíveis: 750
Enviar Comentário
Obrigado! O seu comentário ficará visível dentro de momentos.
Ocorreu um erro. Tente novamente mais tarde.

Nota: Os comentários deste site são publicados sem edição prévia e são da exclusiva responsabilidade dos seus autores.
Consulte a Conduta do Utilizador, prevista nos Termos de Uso e Política de Privacidade. O JN reserva-se ao direito de apagar os comentários que não cumpram estas regras. Aparecer como anónimo - os dados (nome e-mail) são ocultados.
Os comentários podem demorar alguns segundos para ficarem disponíveis no site.

 

Mais Lidas
02.07.15
A mãe que deixou o filho de três anos morrer num baloiço, nos EUA, esteve no funeral da criança e levou uma carta com uma dedicatória. Os pais, que...


Global Notícias - Media Group S.A. Todos os direitos reservados
Termos de Uso e Política de Privacidade |  Ficha Técnica |  Quem Somos |  Contactos |  Webmaster This website is ACAP-enabled