Três pessoas linchadas em Moçambique no fim-de-semana

17/11/2009
Este ano, a polícia moçambicana assinalou mais de 20 mortes de supostos criminosos às mãos de populares.
 

Três pessoas foram linchadas, no fim-de-semana, na Beira, centro de Moçambique, acusadas de terem protagonizado assaltos a residências com recurso a armas brancas, facto que levou à detenção de 15 pessoas indiciadas de envolvimento no crime.

Até ao momento, desconhece-se a identidade completa e a idade das vítimas.

Na segunda-feira, a Polícia da República de Moçambique foi chamada a intervir, e fez buscas em algumas zonas da capital da província de Sofala, operação que resultou na captura de mais de uma dezena de cidadãos, refere hoje o jornal Notícias.

Moçambique é um dos países africanos com mais casos de linchamentos. Este ano, a polícia moçambicana assinalou mais de 20 mortes de supostos criminosos protagonizados por populares.

As províncias de Cabo Delgado, Nampula e Zambézia, no litoral norte de Moçambique, são as que têm assinalado maior número de linchamentos.

Em Setembro último, a Beira também já tinha sido palco de outros casos de linchamentos.

Ler Artigo Completo
 
 
 
subscreva já
newsletter diária jn
Receba diariamente no seu e-mail a Newsletter do JN e alertas de última hora
subscrever

 
 
Mais Mundo
01.09.15
O governo turco não teve "qualquer papel" na detenção de dois jornalistas britânicos e "não está satisfeito" com a prisão preventiva que lhes foi...
 



Global Notícias - Media Group S.A. Todos os direitos reservados
Termos de Uso e Política de Privacidade |  Ficha Técnica |  Quem Somos |  Contactos |  Webmaster This website is ACAP-enabled