Três pessoas linchadas em Moçambique no fim-de-semana

17/11/2009
Este ano, a polícia moçambicana assinalou mais de 20 mortes de supostos criminosos às mãos de populares.
 

Três pessoas foram linchadas, no fim-de-semana, na Beira, centro de Moçambique, acusadas de terem protagonizado assaltos a residências com recurso a armas brancas, facto que levou à detenção de 15 pessoas indiciadas de envolvimento no crime.

Até ao momento, desconhece-se a identidade completa e a idade das vítimas.

Na segunda-feira, a Polícia da República de Moçambique foi chamada a intervir, e fez buscas em algumas zonas da capital da província de Sofala, operação que resultou na captura de mais de uma dezena de cidadãos, refere hoje o jornal Notícias.

Moçambique é um dos países africanos com mais casos de linchamentos. Este ano, a polícia moçambicana assinalou mais de 20 mortes de supostos criminosos protagonizados por populares.

As províncias de Cabo Delgado, Nampula e Zambézia, no litoral norte de Moçambique, são as que têm assinalado maior número de linchamentos.

Em Setembro último, a Beira também já tinha sido palco de outros casos de linchamentos.

Ler Artigo Completo
 
 
 
subscreva já
newsletter diária jn
Receba diariamente no seu e-mail a Newsletter do JN e alertas de última hora
subscrever

 
 
Mais Mundo
29.05.15
Um guerreiro cristão sírio decapitou um militante do grupo radical Estado Islâmico para vingar as pessoas executadas pelos jihadistas no noroeste...
29.05.15
Escolas geridas por um grupo de judeus ultraortodoxos de Londres podem ser alvo de uma investigação oficial depois dos líderes do grupo terem proibido...
Comentar
Caracteres Disponíveis: 750
Enviar Comentário
Obrigado! O seu comentário ficará visível dentro de momentos.
Ocorreu um erro. Tente novamente mais tarde.

Nota: Os comentários deste site são publicados sem edição prévia e são da exclusiva responsabilidade dos seus autores.
Consulte a Conduta do Utilizador, prevista nos Termos de Uso e Política de Privacidade. O JN reserva-se ao direito de apagar os comentários que não cumpram estas regras. Aparecer como anónimo - os dados (nome e-mail) são ocultados.
Os comentários podem demorar alguns segundos para ficarem disponíveis no site.

 


Global Notícias - Media Group S.A. Todos os direitos reservados
Termos de Uso e Política de Privacidade |  Ficha Técnica |  Quem Somos |  Contactos |  Webmaster This website is ACAP-enabled