Negociações da Cruz Vermelha com a Síria fracassaram

25/02/2012
As negociações da Cruz Vermelha com as autoridades sírias para ajuda humanitária à população fracassaram e não houve evacuação de feridos como pretendido. Confrontos deste sábado fizeram mais 94 mortos.
 
AFP/TV SIRIA
Ambulâncias em Homs, segundo imagens da televisão síria

"Desde a manhã de hoje o Comité Internacional da Cruz Vermelha (CICR) negociou com as autoridades sírias e grupos opositores em Homs, pelo que as negociações não levaram a nenhum resultado concreto", explicou à agência EFE Saleh Dabakeh, porta-voz da organização na Síria.

O bairro de Amro na cidade síria de Homs, onde a oposição ao regime tem estado debaixo de fogo há várias semanas, é um dos locais de preocupação da Cruz Vermelha que pretende dar continuidade a contactos para poder "entrar em Baba Amro e levar a cabo evacuações para salvar a vida das pessoas afetadas" pelos confrontos.

Este sábado, a violência na Síria fez 94 mortos, dos quais 68 civis, anunciou o Observatório Sírio dos Direitos Humanos, em comunicado.

De acordo com a agência de notícias France Press (AFP), a organização, com base na Grã-Bretanha, revela que 24 civis foram mortos na cidade de Homs, que tem sido atacada nas últimas três semanas pelo exército sírio, número a que se somam os 23 membros das forças do regime mortos por todo o país em confrontos com desertores.

Sete civis foram mortos na região próximo de Alepo, oito civis na região de Hama, na região de Idlib mais 10 e 11 na área Dera'a. Também três desertores foram mortos nas regiões de Aleppo e Deraa.

No total, a violência na Síria já matou pelo menos 7600 pessoas em onze meses de revolta contra o regime.

 
 
 
subscreva já
newsletter diária jn
Receba diariamente no seu e-mail a Newsletter do JN e alertas de última hora

 
 
Mais Mundo
31.01.15
O primeiro-ministro grego, Alexis Tsipras, telefonou a vários dirigentes europeus para reiterar que não pretende tomar medidas unilaterais em relação...
31.01.15
Um homem morreu, este sábado de madrugada, ao ser atingido por um raio durante uma tempestade no Rio de Janeiro, no Brasil.
31.01.15
O presidente do Governo espanhol respondeu este sábado às críticas dos dirigentes do Podemos às políticas do executivo, afirmando que "são uns tristes...
Comentar
Caracteres Disponíveis: 750
Enviar Comentário
Obrigado! O seu comentário ficará visível dentro de momentos.
Ocorreu um erro. Tente novamente mais tarde.

Nota: Os comentários deste site são publicados sem edição prévia e são da exclusiva responsabilidade dos seus autores.
Consulte a Conduta do Utilizador, prevista nos Termos de Uso e Política de Privacidade. O JN reserva-se ao direito de apagar os comentários que não cumpram estas regras. Aparecer como anónimo - os dados (nome e-mail) são ocultados.
Os comentários podem demorar alguns segundos para ficarem disponíveis no site.

 

Mais Lidas
28.01.15
Esta é a lista dos 28 medicamentos genéricos existentes em Portugal que a Agência Europeia do Medicamento (EMA) recomendou que fossem suspensos. Destes...


Controlinveste Conteúdos, S.A. Todos os direitos reservados
Termos de Uso e Política de Privacidade |  Ficha Técnica |  Quem Somos |  Contactos |  Webmaster This website is ACAP-enabled