Casos de Malária descem em Angola

20/12/2011
Angola registou 6025 mortes por malária até Outubro, menos do que as 8100 registadas em todo o ano de 2010, revelou o coordenador do programa angolano de luta contra a malária, Filomeno Fortes.
 
Casos de Malária descem em Angola
foto arquivo jn
Criança com malária

"Em 2000, Angola tinha 20 mil óbitos por malária. Em 2010, este número desceu para 8100 casos. Em 2011, até ao mês de Outubro, registámos apenas 6025 óbitos", explicou o coordenador do Programa Nacional de Luta contra a Malária, que falava na segunda-feira, durante o seminário sobre "O papel dos Media na prevenção da malária em Angola".

Filomeno Fortes disse que esta redução tem impacto directo nas taxas de mortalidade infantil e de mortalidade materna e explicou que as principais intervenções de controlo da malária em Angola assentam no diagnóstico e tratamento, bem como nas medidas preventivas, sobretudo na distribuição de redes mosquiteiras tratadas com insecticida, na luta contra o insecto que transmite a doença e na educação para a saúde.

Referiu, ainda, que os testes rápidos têm contribuído para a melhoria do diagnóstico em todos os municípios e a prescrição de medicamentos tem reduzido o aparecimento de casos graves.

No entanto, admitiu a necessidade de mais redes mosquiteiras, testes rápidos e uma maior aposta na pulverização interna de habitações com insecticida de efeito residual, para poder atingir as metas preconizadas nos Objectivos de Desenvolvimento do Milénio.

Filomeno Fortes afirmou que os desafios para os próximos quatro anos apontam para a melhoria do saneamento, do diagnóstico e tratamento. Reforçar as medidas preventivas e a mobilização comunitária também se enquadram nos desafios a ser atingidos nos próximos anos.

"Angola está a desenvolver com os países da África Austral iniciativas de controlo da malária a nível das fronteiras" sublinhou.

Ler Artigo Completo
 
 
 
subscreva já
newsletter diária jn
Receba diariamente no seu e-mail a Newsletter do JN e alertas de última hora
subscrever

 
 
Mais Mundo
10.02.16
As fortes chuvas, que caem sobre a capital angolana, Luanda, há três dias consecutivos, causaram já milhares de inundações, entre as quais 4.786 residências.
05.02.16
O dirigente da Renamo raptado na quarta-feira em Gondola, centro de Moçambique, foi encontrado morto.
28.01.16
O governador do Banco Nacional de Angola (BNA) disse esta quinta-feira que a instituição está a promover a "racionalização" de divisas aos bancos...
 



Global Notícias - Media Group S.A. Todos os direitos reservados
Termos de Uso e Política de Privacidade |  Ficha Técnica |  Quem Somos |  Contactos |  Webmaster This website is ACAP-enabled
 
Email Marketing Certified by E-goi