Mil pessoas no último adeus ao estudante "que deu a vida para salvar quatro colegas"

 | 07/05/2013
O funeral de Marlon Correia, o universitário abatido a tiro no Queimódromo do Porto, juntou cerca de um milhar de pessoas, esta terça-feira de manhã, na igreja de Arcozelo, em Gaia.
 
PEDRO GRANADEIRO/Global Imagens

Em homenagem ao jovem, que estudava na Faculdade de Desporto da Universidade do Porto, os colegas formaram uma passadeira na escadaria da igreja com capas negras e rosas vermelhas, azuis e amarelas, simbolizando as cores da bandeira da Venezuela, país natal do estudante. O caixão foi carregado até à igreja por atletas do Sporting Clube de Arcozelo.

Durante a missa, o padre José Branco salientou que o jovem, de 24 anos, "deu a vida para salvar quatro colegas" e apelou à intervenção das autoridades policiais e judiciais "para que não continue a haver a morte de inocentes".

Já um representante da Universidade do Porto lamentou o "crime hediondo" num evento que se queria de festa, frisando que foi declarado dia de luto na academia.

Após a celebração, a saída da urna foi acompanhada de salvas de palmas, de centenas de pessoas emocionadas, entre colegas, familiares, conhecidos, amigos e até cidadãos que assistiram à cerimónia em solidariedade.

O corpo foi depois transportado para S. João da Madeira e cremado no cemitério local.

 
 
 
subscreva já
newsletter diária jn
Receba diariamente no seu e-mail a Newsletter do JN e alertas de última hora

 
 
Mais Segurança
31.01.15
A médica que tentou assaltar uma ourivesaria no Centro Comercial Roma, em Lisboa, em 2011, começa a ser julgada em abril, após os exames periciais...
31.01.15
A PSP do Porto deteve quatro suspeitos de um assalto perpetrado, na madrugada deste sábado, num café de Leça do Balio, Matosinhos, após uma perseguição...
30.01.15
O Ministério dos Negócios Estrangeiros confirmou, esta sexta-feira, que as autoridades das Bahamas receberam a carta rogatória da Justiça portuguesa...
30.01.15
O Tribunal de Vagos condenou, esta sexta-feira, a penas de multa um homem e uma mulher suspeitos de fabricar e vender imitações de peças em porcelana...
Comentar
Caracteres Disponíveis: 750
Enviar Comentário
Obrigado! O seu comentário ficará visível dentro de momentos.
Ocorreu um erro. Tente novamente mais tarde.

Nota: Os comentários deste site são publicados sem edição prévia e são da exclusiva responsabilidade dos seus autores.
Consulte a Conduta do Utilizador, prevista nos Termos de Uso e Política de Privacidade. O JN reserva-se ao direito de apagar os comentários que não cumpram estas regras. Aparecer como anónimo - os dados (nome e-mail) são ocultados.
Os comentários podem demorar alguns segundos para ficarem disponíveis no site.

 

Mais Lidas
28.01.15
Esta é a lista dos 28 medicamentos genéricos existentes em Portugal que a Agência Europeia do Medicamento (EMA) recomendou que fossem suspensos. Destes...


Controlinveste Conteúdos, S.A. Todos os direitos reservados
Termos de Uso e Política de Privacidade |  Ficha Técnica |  Quem Somos |  Contactos |  Webmaster This website is ACAP-enabled