óbito

Foi o maior compositor português de música contemporânea, diz Marco Martins

Foi o maior compositor português de música contemporânea, diz Marco Martins

O realizador Marco Martins considerou, este sexta-feira, o pianista Bernardo Sassetti "o maior compositor português de música contemporânea", classificando a morte deste como "uma perda irreparável".

Marco Martins, para quem Bernardo Sassetti compôs a música do filme "Alice", reagia assim à morte do pianista e compositor, de 41 anos, cujo corpo foi encontrado na praia do Abano, em Cascais.

Segundo fonte próxima da família, o músico terá morrido acidentalmente quando fazia fotografia, na zona de Cascais, nos arredores de Lisboa.

O corpo de Bernardo Sassetti foi encontrado na quinta-feira, pela polícia marítima, na zona do Abano, no Guincho.

"Era, na minha opinião, o maior compositor de música contemporânea portuguesa e um ser humano verdadeiramente extraordinário com quem se podia partilhar muitas e muitas aventuras, dentro e fora dos projetos que fazíamos juntos, e era de facto um génio impossível", disse Marco Martins.

Para Marco Martins, a morte de Bernardo Sassetti "é um momento de uma dor muito profunda e uma perda sem sentido".

Considerado um dos mais criativos pianistas da sua geração, Bernardo Sassetti nasceu em Lisboa a 24 de junho de 1970.

Recomendadas

Conteúdo Patrocinado

Outros conteúdos GM