Resultados por tag: crocodilo

Jovem morto por crocodilo na Austrália

25/08

2013

às 15:59

Foto: Global Imagens/Arquivo

Um jovem de 24 anos terá sido devorado por um crocodilo de 4,5 metros de comprimento quando nadava num rio infestado por estes animais no sábado, no norte da Austrália, segundo o jornal britânico “Telegraph”.



A vítima participava numa festa de aniversário junto ao rio Mary, a cerca de 100 quilómetros de Darwin, e nadava com um outro amigo. “Eles nadaram até à outra margem do rio. No regresso, a vítima foi vista entre as mandíbulas do crocodilo quando este subia o rio”, contou Geoff Bahnert, oficial da Polícia.



“Os grandes crocodilos costumam afogar as suas vítimas primeiro para melhor as controlar. Tendo em conta a experiência do passado, infelizmente, ele deve ter morrido de forma muito rápida”, acrescentou.



O ataque ocorreu pelas 16 horas de sábado num famoso parque australiano muito frequentado por observadores de crocodilos. Aquela zona é uma das mais densamente povoadas por crocodilos e existem inúmeros avisos a alertarem os turistas para o perigo, segundo o mesmo jornal.

Tags: ,
0 comentários

Austrália oferece crocodilo bebé ao recém-nascido príncipe de Inglaterra

25/07

2013

às 15:12

As autoridades do Território do Norte da Austrália decidiram presentear o recém-nascido George Alexander Louis, filho dos duques de Cambridge, com um crocodilo bebé, informou hoje a imprensa local.


O réptil, também batizado de George em homenagem ao seu destinatário, descrita como um "presente original" pelo ministro-chefe daquela província australiana, Adam Giles.


"Sabemos que o príncipe George e o casal real receberam muitos presentes oriundos de todo o mundo, mas este é algo único", afirmou o responsável que espera que o novo membro da família real britânica visite a região com os seus pais num futuro próximo.



O crocodilo, que saiu da casca no passado dia 21 de fevereiro e se encontra atualmente 'instalado' num aquário da cidade de Darwin, capital do Território Norte da Austrália, até já tem uma conta na rede social Facebook, onde os seus seguidores podem observar as atividades do animal.


O primeiro filho de William e Kate, terceiro na linha de sucessão ao trono britânico, nasceu na segunda-feira.


O pequeno crocodilo saiu da casca a 21 de fevereiro, depois de o ovo ter sido chocado a 03 de dezembro, o mesmo dia em que os duques de Cambridge anunciaram ao mundo que esperavam uma criança.

15 mil crocodilos fugiram de uma quinta na África do Sul

24/01

2013

às 15:22

Quinze mil crocodilos fugiram de uma quinta situada no norte da África do Sul na sequência das fortes chuvadas que se têm feito sentir no país.

 

De acordo com o jornal britânico Telegraph, os proprietários da Quinta de Crocodilos Rawenta foram obrigados a abrir os portões, devido à subida das águas do rio Limpopo.

Alguns dos crocodilos foram entretanto recapturados, mas pelo menos metade continua em liberdade. Um deles apareceu num campo de rugby de uma escola a 120 quilómetros de distância.

“Temos vindo a capturá-los à medida que os agricultores nos telefonam a dizer que há crocodilos na sua propriedade”, explicou Zane Langman, genro do proprietário da quinta.

Estes animais são mais fáceis de apanhar à noite, uma vez que os seus olhos ficam vermelhos no escuro.


As autoridades aconselham a população a ficar em casa e não se aproximarem dos animais.

Crocodilo vivo encontrado em lixeira em Hong Kong

10/12

2012

às 14:43

 

Um crocodilo vivo foi encontrado num tanque de peixes numa lixeira de Hong Kong, naquela que é referida como a segunda aparição em nove anos daquele tipo de réptil na densamente povoada selva urbana, noticiou hoje a imprensa local.



Os jornais de Hong Kong, citados pela AP, referem que o crocodilo, com 1,2 metros e cinco quilos, foi alegadamente despejado no lixo por um proprietário de animais de estimação que terá tido dificuldades em lidar com o réptil.

 


Segundo o jornal The Standard, o crocodilo apareceu ileso e está a ser tratado num centro animal do Governo de Hong Kong.



Os responsáveis da conservação estão agora a decidir o destino do crocodilo, que de acordo com uma das hipóteses em estudo, pode vir a juntar-se ao seu predecessor Pui Pui num parque aquático.



Pui Pui, um crocodilo de águas salgadas, foi notícia em 2003 depois de ter sido detetado num rio de Hong Kong. O animal iludiu caçadores e peritos australianos durante meses antes de ser capturado.



Proprietários de lojas de animais de estimação disseram que alguns residentes da cidade de sete milhões de habitantes têm répteis como cobras ou lagartos como animais de estimação, mas que é extremamente raro alguém ter um crocodilo de estimação.



"No início, as pessoas pensam que é divertido ter um crocodilo", disse o proprietário da loja Dio Chan ao The Standard.



"Mas à medida que cresce, eles precisam de comprar um tanque maior e mais comida, e outro equipamento, e eventualmente eles desistem da propriedade", acrescentou.

Tags: ,
0 comentários

Crocodilo arrasta rapaz de 9 anos na Austrália

02/12

2012

às 19:14

 

A polícia australiana procura um rapaz de 9 anos que foi arrastado por um crocodilo, no sábado, quando tomava banho com amigos no rio em Port Bradshaw, no norte do país.



Segundo o jornal Huffington Post, algumas das pessoas que se encontravam nas proximidades tentaram matar o animal com lanças, mas o crocodilo acabou por puxar a criança ainda mais para dentro de água.



A polícia vai retomar as operações de busca amanhã, mas já referiu que a esperança de encontrar o menino com vida é muito baixa.



Há duas semanas, um crocodilo engoliu uma menina de sete anos quando ela nadava num lago na mesma região. O animal acabaria por ser encontrado e morto no dia seguinte. Os restos da criança foram encontrados no seu estômago.

Polícia moçambicana cria brigada para defender banhistas dos crocodilos

13/11

2012

às 15:29

 

A polícia de Tete, centro de Moçambique, criou brigadas de vigilância, proteção e resgate, para "acudir banhistas" no Zambeze de ataques de crocodilos que infestam o rio, disse hoje à Lusa fonte policial.



Devido às altas temperaturas na região, a população recorre a pequenas "praias" nas margens do rio Zambeze, que atravessa a cidade a cidade de Tete, situação que tem vindo a fazer aumentar o número de ataques de crocodilos, além de afogamentos.



Quatro casos de ataques foram registados na semana passada, dois dos quais na capital provincial, Tete.



"O último ataque foi registado no sábado. Hoje, o corpo foi encontrado sem o membro superior esquerdo devorado pelo animal. A brigada encontrou o corpo e um crocodilo ao lado e foi obrigada a disparar para afugentar o animal", disse à Lusa Mário Seda, porta-voz do comando da polícia em Tete.



As novas brigadas, constituídas por efetivos da Força de Proteção Marítima, Lacustre e Fluvial, Corpo de Salvação Pública (Bombeiros), Marinha de Guerra e reforçada aos fins de semana com a Polícia de Trânsito, têm a tarefa de prevenir e combater os ataques de animais e afogamentos, nas quatro "praias" mais frequentadas da cidade.

Crocodilo arranca mão a capitão de barco turístico

14/06

2012

às 17:37

 

Foto: José Carlos Prata/Global Imagens/Arquivo

Um crocodilo arrancou a mão de um operador de um barco turístico, no estado americano da Florida, quando este o alimentava com gomas, uma atividade que faz parte do programa de entretenimento dos turistas.



Segundo o jornal espanhol ABC, as autoridades explicaram o animal saltou para o interior da embarcação – na qual viajavam seis turistas – e devorou os doces juntamente com a mão do capitão.



As autoridades encetaram uma perseguição ao crocodilo, que acabou por ser morto para que a mão fosse recuperada do seu estômago. Contudo, os médicos do hospital de Tampa não conseguiram reimplantar o membro no braço do capitão.



A vítima poderá ter que pagar uma multa de 500 dólares (cerca de 400 euros) ou passar seis meses na prisão, uma vez que alimentar crocodilos é considerado um delito menor no estado da Florida.

Tags: ,
0 comentários

O maior crocodilo de sempre media oito metros e comia seres humanos

09/05

2012

às 16:34

 

 Foto: ABC

O maior crocodilo de todos os tempos viveu no Quénia entre dois a quatro milhões de anos atrás e media mais de oito metros de comprimento, segundo um estudo publicado na revista Journal of Vertebrate Paleontology citado pelo jornal espanhol ABC.



O seu aspeto era semelhante ao do crocodilo do Nilo, embora mais corpulento, como se tivesse tomado esteroides, o que o torna, segundo os investigadores que o descobriram, no maior crocodilo de todos os tempos.



O Crocodylus throbjarnarsoni, como foi batizado, superava os oito metros de comprimento e foram precisos quatro homens para levantarem a sua cabeça fossilizada.



“Este é o maior crocodilo conhecido”, assegura Christopher Brochu, da universidade americana de Iowa. “Pode ter superado os oito metros de comprimento. Em comparação, o maior crocodilo do Nilo registado media 6,4 metros e a maioria é muito mais pequena”.



Brochu reconheceu a nova espécie há três anos quando estudava uns fósseis no Museu Nacional do Quénia, em Nairobi. Alguns destes fósseis foram encontrados em áreas onde foram feitas descobertas importantes de fósseis humanos.



O crocodilo “viveu ao lado dos nossos antepassados e é provável que os tenha comido”, sublinha o mesmo investigador. Brochu diz que embora os fósseis não contenham evidências de que estes encontros mortais tenham ocorrido, os crocodilos tendem a comer tudo o que possam engolir, e os humanos dessa época mediam pouco mais de 1,20.



“Os crocodilos eram maiores do que os atuais e os humanos mais pequenos, por isso não era preciso mastigarem muito”, acrescenta. O investigador acredita que os encontros entre os humanos e estas bestas eram normais, já que o homem primitivo, como outros animais, utilizavam água dos rios e dos lagos onde estes repteis estavam à espreita.

Tags: ,
0 comentários

Professores moçambicanos têm que atravessar rio com crocodilos para irem dar aulas

06/04

2012

às 14:52

 

A falta de uma ponte, destruída na guerra civil moçambicana, na região de Minas Gerais, distrito de Sussundenga, em Manica, está a condicionar aulas a mais de 700 alunos, que dependem dos professores para atravessar um rio infestado de crocodilos.



Érbio Sixpence, chefe do posto administrativo de Muoha, onde fica Minas Gerais, disse que atualmente os professores são obrigados todas as manhãs (na ida) e tardes (no regresso) a mandar atravessar os seus alunos no rio, altamente frequentado por crocodilos, na sequência de falta de ponte. Se os alunos não passam, não há aulas.



"Os professores atravessam os alunos para evitar ataques de animais (crocodilos) e isso é uma preocupação para a população e governo, por isso é que este ano a ponte foi contemplado pelo fundo de estrada e vai ser construída uma travessia segura de pessoas", explicou à Lusa Érbio Sixpence.



Atualmente os professores atravessam os alunos, um por um, os mais crescidos e segurados pela mão e os mais novos ao colo. No tempo chuvoso, quando o rio atinge alturas maiores e corrente forte, as aulas são paralisadas.



Érbio Sixpence disse que no local nunca foi registado nenhum incidente envolvendo alunos, mas o receio entre os encarregados de educação de mandar os alunos a escola tem crescido, "daí a necessidade urgente de colocar uma travessia" no rio.



A escola primária, a única de Minas Gerais, vai ascender próximo ano a Escola Primária Completa (EPC) e vai passar a lecionar o segundo grau do nível primário, pelo que vai acolher alunos de outras escolas da região de Muoha.

Tags: ,
0 comentários

Serpentes e crocodilos ameaçam população de Banguecoque

15/11

2011

às 15:32

 

Dois veterinários de Singapura devem chegar hoje a Banguecoque para ajudar na captura de serpentes e outros répteis que estão a causar o pânico entre a população da capital tailandesa, informou a Associação internacional de Zoos e Aquários.



Os especialistas justificaram o aparecimento dos répteis com a subida do nível das águas, devido às inundações que afectam a Tailândia desde Julho passado, sobretudo nas províncias do centro do país e em Banguecoque, e alertaram para os perigos das mordeduras das serpentes, que poderão surgir nas canalizações das casas.



As autoridades tailandesas estão a oferecer uma recompensa a quem capturar crocodilos mas, até ao momento, não foi registado qualquer ataque.



De acordo com o último balanço oficial, as inundações fizeram pelo menos 562 mortos e milhares de desalojados.


0 comentários

Morreu o único crocodilo do mundo registado como animal de estimação

17/10

2011

às 14:46

 

Pocho, um crocodilo de 50 anos salvo da morte por um pescador da Costa Rica há duas décadas atrás, morreu na semana passada, informa o site Chito&Pocho.



O crocodilo, o único no mundo registado como animal de estimação, foi encontrado por Gilberto Sheddan, conhecido por “Chito”, com um ferimento de bala num rio que passava junto à casa do pescador, como o JN contou há dois anos.



Contra a vontade do irmão, Chito tratou do animal e alimentou-o, ao ponto de Pocho não querer ser alimentado por mais ninguém. A relação entre os dois estreitou-se de tal forma que quando Chito o devolveu ao seu habitat natural, porque já estava recuperado, Pocho regressava sempre a casa do seu novo amigo.



Incitado por amigos, o pescador começou a ensinar alguns truques ao crocodilo, como dar um aperto de mão, piscar o olho ou rebolar. Com os truques já consolidados, os dois passaram a protagonizar espectáculos no Centro Turistico Las Tilapias Siquirres.

 

       

Tags: ,
0 comentários

Crocodilo com uma tonelada e 5,5 metros de comprimento entrou para o Guiness

18/09

2011

às 19:29

 

O crocodilo australiano Cassius, com 5,5 metros de comprimento e cerca de uma tonelada de peso, foi declarado pela organização Guiness World Records o maior exemplar da sua espécie a viver em cativeiro, segundo o jornal espanhol ABC.



Baptizado com este nome em honra ao lendário praticante de box Cassius Clay – igualmente forte e poderoso -, o gigantesco réptil, que foi capturado em 1984 no Território Norte, vive há 24 anos no parque para crocodilos Marineland Melanesia, no norte do estado do Queensland.



Cassius, que tem a bonita idade de 100 anos, seria um pouco mais comprido não fosse o caso de ter perdido metade da cauda durante uma luta na época em que vivia em liberdade.



O seu tratador, George Craig, explicou que apesar da relação próxima que mantém com o animal, “Cassius é um réptil de sangue frio” e, por isso, nunca se atreveria a nadar perto dele.



Craign conseguiu medir o crocodilo com a ajuda do neto, Toody Scot, mas essa foi uma tarefa que demorou alguns meses a ser planeada. “Esvaziámos o tanque, deixá-mo-lo secar até que se acalmou. Demos-lhe muita comida e, durante horas, fomo-nos aproximando, pouco a pouco, até conseguirmos medi-lo”, conta o tratador.



O porta-voz do Guiness World Records, Chris Sheddy, dise que Cassius é um dos poucos recordistas que terá direito a duas páginas na edição do livro de 2012.

 

Tags: ,
0 comentários

Capturado nas Filipinas crocodilo gigante suspeito de ter matado duas pessoas

06/09

2011

às 13:46

 Fotos: Stringer/Reuters

Um crocodilo marinho gigante com mais de seis metros de comprimento, suspeito de ter atacado pessoas e gado, foi capturado no sul das Filipinas, anunciaram hoje as autoridades locais.

 

O réptil, que pesa 1.075 quilos e mede 6,4 metros, terá matado um agricultor em Julho e devorado búfalos, perto da vila de Bunawan, na ilha de Mindanao, indicou o caçador de crocodilos Rollie Suiller. O Ministério do Ambiente também atribuiu ao animal agora capturado a morte de uma rapariga de 12 anos, em 2009.

 

O animal é um dos maiores já capturados, afirmou Josefina de Leon, chefe da divisão de fauna e flora selvagens do Ministério. "Segundo informações recolhidas, até ao presente momento, o maior crocodilo capturado tinha 5,48 metros de comprimento", disse.

 

O crocodilo é um macho de mais de 50 anos, segundo Rollie Sumiller. "É o maior que já capturei em 20 anos de carreira", sublinhou o caçador.

 

Segundo o Guinness Book, o maior crocodilo marinho em cativeiro é um espécime de 5,40 metros, Cassius, que está num parque natural perto de Cairns (nordeste da Austrália).

 

A imprensa também divulgou informações sobre um animal de 6,2 metros, capturado e morto na Papua Nova Guine, em 1982, tendo sido medido depois de a pele ter sido retirada.

 

"A população local está aliviada. Entretanto, não estamos certos de que seja este crocodilo a atacar os seres humanos, já que há muitos crocodilos na região", disse Sumiller.

 

O crocodilo será entregue a um parque natural, segundo o autarca de Bunawan, Edwin Cox Elorde. "Ele será a vedeta do parque", acrescentou o caçador.

 

Bunawan é uma cidade com 30.000 habitantes, construída numa planície pantanosa, perto de um rio do mar. O crocodilo marinho, que vive nas regiões costeiras e que suporta bem a água doce e salgada, é o maior réptil do mundo.

Tags: ,
0 comentários

Crocodilo passeia-as pelas ruas de cidade australiana

31/07

2011

às 11:53

Os habitantes de Cairns, na região australiana de Queensland, apanharam um valente susto quando um crocodilo saiu de um cano de esgotou a começou a passear por uma das ruas mais movimentadas da cidade.

 

Segundo a edição inglesa do jornal Metro, para evitar que o réptil fugisse, a polícia utilizou vassouras para o parar, enquanto não chegaram os técnicos do Parks and Wildlife Service Queensland. Felizmente, tratava-se de um crocodilo jovem, pelo que a sua captura foi relativamente fácil.

 

Crocodilos anões do Zoo de Lagos são 100% puros

09/06

2011

às 10:30

 Foto: Direitos Reservados

Os três crocodilos anões que chegaram ao Zoo de Lagos no final de Março (os únicos desta espécie existentes em Portugal) são 100% puros, anunciou ontem a instituição em comunicado. O estudo do ADN realizado pelo Zoo de Fuengirola, de onde os animais vieram, indica que os crocodilos anões são exemplares puros da espécie africana "ogooué". O coordenador do livro de estudos de espécies da instituição espanhola solicitou ao Zoo de Lagos que ceda um dos machos para que este acasale com uma fêmea também pura e, assim, manter a pureza do sangue. Em troca, o parque português receberá uma fêmea da mesma espécie.

0 comentários

publicidade

Arquivo de artigos

Fale com o autora

envie os seus conteúdos para: fmariano@jn.pt

blogues associados

publicidade