Desporto

Ecclestone quer Fórmula 1 em África

Ecclestone quer Fórmula 1 em África

O patrão da Fórmula 1 Bernie Ecclestone expressou esta terça-feira a ambição de ter um Grande Prémio do Mundial da especialidade no continente africano, possivelmente por troca com o circuito de Hoffenheim, Alemanha.

"Gostava de ver uma corrida em África, onde nunca estivemos presentes", disse o magnata inglês, deixando em aberto um segundo Grande Prémio nos Estados Unidos da América, além do de Austin, no Texas.

A 31 de julho, Hoffenheim volta a receber o Campeonato do Mundo de Fórmula 1, depois de um ano de ausência, mas Ecclestone não garante que o contrato de realização do Grande Prémio alemão, em 2018, seja cumprido.

"Queríamos que Hockenheim 'acordasse' o ano passado. Estão 20 anos atrás se compararmos com outros eventos", afirmou o bitânico.

A primeira corrida de 2016 está marcada para 20 de março, em Melbourne, na Austrália, numa época que conta com a estreia de Baku, capital do Azerbaijão, a receber o Grande Prémio da Europa.

Recomendadas

Outros conteúdos GM

Conteúdo Patrocinado