Árbitros

O irmão do árbitro, o filho do "patrão" dos árbitros e as queixas do F. C. Porto

O irmão do árbitro, o filho do "patrão" dos árbitros e as queixas do F. C. Porto

O F. C. Porto criticou, esta segunda-feira, a arbitragem de Rui Costa na derrota de domingo com o Arouca (2-1), e falou em "coincidências familiares" que ligam o árbitro e o adversário ao conselho de arbitragem.

"É verdade que a equipa cometeu erros graves nos dois golos do Arouca, que a penalizaram bastante, mas também foi muito penalizada por uma arbitragem de apito leve para os jogadores do F. C. Porto e que anulou um golo legal, que na altura daria o 2-1 a favor dos Dragões", lê-se na "newsletter"' Dragões Diário.

Em causa, está um lance protagonizado pelo argelino Brahimi na segunda parte, minutos antes do segundo golo do Arouca, que daria vantagem aos 'dragões', mas que acabou por ser anulado devido a fora de jogo.

"Aquele golo de Brahimi não é sequer um lance que possa originar dúvidas e mesmo que as houvesse, no fora de jogo, na dúvida, beneficia-se o ataque. Exceto, pelos vistos, quando é o ataque do F. C. Porto, tantos e tantos os lances de fora de jogo mal assinalado que têm penalizado a nossa equipa, ontem [domingo] com custos muito evidentes no resultado", referiu.

A publicação oficial do emblema portista vai mais longe e aborda o vínculo familiar entre Rui Costa e Paulo Costa (irmão), membro do Conselho de Arbitragem (CA) da Federação Portuguesa de Futebol (FPF), bem como o facto de um dos adjuntos do treinador do Arouca, Lito Vidigal, ser filho do presidente do CA, Vítor Pereira.

"Rui Costa, o mesmo árbitro que há um mês perdoou um penalti ao Rio Ave, voltou ao Dragão para se voltar a enganar contra o F. C. Porto. Coincidência, certamente. Rui Costa, curiosamente, é irmão de Paulo Costa, membro do Conselho de Arbitragem. O adjunto de Lito Vidigal, curiosamente, é filho de Vítor Pereira, presidente do Conselho de Arbitragem. Tudo coincidência. No caso, coincidências familiares", apontou o F. C. Porto.

Com o desaire na 21.ª jornada do campeonato, os "dragões" passaram a ter seis pontos de desvantagem para o Benfica, líder à condição, e poderá terminar a ronda a oito do Sporting, que recebe hoje o Rio Ave.

Na sexta-feira, F. C. Porto e Benfica encontram-se no Estádio da Luz, no jogo inaugural da 22.ª jornada da I Liga.

Conteúdo Patrocinado