aviação

Acionistas da TAP aceitam ficar sem maioria

Acionistas da TAP aceitam ficar sem maioria

Depois da terceira reunião com o governo para alterar quota acionista do Estado, privados mostram abertura para negociar.

Humberto Pedrosa confirmou esta quinta-feira que os dois acionistas vão ficar na companhia mesmo que o Estado regresse à maioria.

"Vamos chegar a um bom acordo entre todos", disse Humberto Pedrosa, à margem da apresentação do novo projeto para a Portugália, agora TAP Express. E vão ficar na companhia? "Eu penso que sim. O governo está satisfeito com o nosso projeto e vai querer-nos no projeto e nós também estamos satisfeitos", acrescentou o acionista maioritário do consórcio Atlantic Gateway.

Leia mais em Dinheiro Vivo a sua marca de economia

Recomendadas

Conteúdo Patrocinado