Banca

Paulo Macedo a caminho da CGD

Paulo Macedo a caminho da CGD

Antigo ministro da Saúde terá sido sensível a forte pressão do governo para aceitar o convite.

Paulo Macedo prepara-se para aceitar o convite para presidente executivo da Caixa Geral de Depósitos (CGD). Ao que o Dinheiro Vivo apurou, o antigo ministro da Saúde de Passos Coelho terá começado por rejeitar o convite para a liderança do banco do Estado, mas este deverá ser aceite formalmente esta sexta-feira.

O antigo ministro chegou a ser considerado para a presidência da Caixa há seis meses, aquando da substituição de José de Matos. No entanto, Costa tentava manter esta opção para o Banco de Portugal.

Agora, perante a demissão repentina de António Domingues, Macedo volta a ser o trunfo de Costa que, mesmo assim, não deixou de sondar outros nomes.

Ao que foi possível apurar, o nome do antigo administrador do BCP será apresentado esta sexta-feira ao Banco de Portugal pelo governo - acionista da CGD -, que terá de aprovar o currículo do banqueiro e fazê-lo seguir, juntamente com a restante equipa para o Banco Central Europeu.

Tanto o Ministério das Finanças como o gabinete do primeiro-ministro recusam comentar.

Recomendadas

Outros conteúdos GM

Conteúdo Patrocinado