Economia

CityPOST contrata 240 pessoas em Portugal

CityPOST contrata 240 pessoas em Portugal

A operadora irlandesa de serviços postais CityPOST anunciou esta terça-feira que vai investir dois milhões de euros e contratar 240 colaboradores em Portugal para se assumir como "alternativa ao serviço tradicional de correio".

Em comunicado, a CityPOST, que se apresenta como "o maior operador privado irlandês de serviços postais", adianta que os cerca de dois milhões de euros a investir "numa primeira fase" serão aplicados no "desenvolvimento de produtos e serviços inovadores, publicidade e infraestruturas".

Quanto à contratação de colaboradores, a empresa refere a entrada de cerca de 120 pessoas no primeiro trimestre do ano e de mais 120 até ao fim de 2016.

"Portugal não é um mercado desconhecido para nós. Estamos cá representados há mais de 20 anos e chegamos a 40% das caixas de correio portuguesas todas as semanas, trabalhando diretamente com empresas como as Páginas Amarelas, Portugal Telecom, Continente e DECO, assim como companhias de água. Com a abertura do mercado postal, queremos colocar todo o nosso conhecimento ao serviço dos portugueses", afirma o 'managing diretor' da CityPOST, Ian Glass, citado no comunicado.

Apontando entre os objetivos traçados a captação de clientes num "universo máximo de cem mil Pequenas e Médias Empresas [PME] portuguesas", o responsável afirma que a CityPOST oferecerá um "serviço postal inovador e com custos mais baixos", propondo-se "fazer em Portugal o que faz com muito sucesso na República da Irlanda".

A CityPOST atua na República da Irlanda desde 1988, onde diz chegar "a mais de 70% das caixas de correio do país" com a sua gama de serviços postais para empresas e clientes individuais.

Em Portugal e na Irlanda, o grupo CityPOST distribui e entrega em mais de 2,5 milhões de caixas postais por semana.

Conteúdo Patrocinado