Economia

Número de portugueses a trabalhar em Espanha baixou 6%

Número de portugueses a trabalhar em Espanha baixou 6%

O número de trabalhadores portugueses em Espanha caiu mais de 6% no último ano. No final de agosto estavam registados no país 44848 cidadãos lusos, segundo dados do Ministério do Emprego divulgados em Madrid, esta quinta-feira.

Os dados confirmam a queda do número de trabalhadores portugueses que se tem consolidado desde o início da crise económica, com uma descida de mais de 3000 face a agosto de 2011.

Em 2007, o número de trabalhadores portugueses registados em Espanha era mais do dobro dos valores atuais, com a queda a ser constante mesmo em períodos onde, globalmente, o número de estrangeiros a trabalhar em Espanha até aumentou.

Segundo os dados revelados esta quinta-feira, 32409 trabalhadores portugueses estão no regime geral, 6137 no regime de 'autónomos' (trabalhador independente) e 4421 no agrário.

A descida no número de portugueses é maior do que a globalmente registada entre todos os imigrantes a trabalhar em Espanha, cujo número caiu 4,46% (81 mil pessoas) no último ano.

No final de agosto estavam registados em Espanha 1.748.415 estrangeiros a trabalhar.

Conteúdo Patrocinado