Tecnologia

Google multada por causa de um decote

Google multada por causa de um decote

A Google foi multada em cerca de 1600 euros, no Canadá, devido a uma imagem do serviço Google Street View, que mostrava o decote de uma mulher sentada à porta de casa.

Apesar da sua cara ter sido desfocada pelo serviço da Google, Maria Pia Grillo, de Montreal, no Canadá, alegou em tribunal que a sua privacidade tinha sido violada, já que a casa e o carro eram claramente visíveis nas imagens, permitindo a sua identificação.

"Para além dos comentários maliciosos e humilhação que sofreu no trabalho, a queixosa, em particular, sofreu uma perda significativa de modéstia pessoal e dignidade. Dois valores que ela mantinha e que são respeitáveis", afirmou o juiz para justificar a decisão de multar a empresa.

A Google alegou em tribunal que Maria estava num local público, mas o juiz afirmou que os direitos de privacidade não podem ser esquecidos apenas porque se está num local onde outros nos podem ver, revela o "Daily Mail". Ainda assim, o pedido inicial correspondente a cerca de 32 mil euros de indemnização não foi aceite pelo tribunal, que reduziu a valor para cerca de 1600 euros.

As imagens foram captadas em março de 2009 e publicadas em outubro, revela o "The Guardian". Apesar do pedido para que a imagem fosse retirada, a queixosa não recebeu resposta da empresa, revelam documentos do tribunal, mas em 2011, a imagem da casa foi completamente desfocada para corresponder ao pedido de Maria Pia Grillo.

O Google Street View, serviço que permite aos utilizadores terem imagens das ruas de várias localidades do Mundo, é desde o início muito criticado devido aos problemas de privacidade que coloca.

Recomendadas

Conteúdo Patrocinado

Outros conteúdos GM