Ílhavo

Acesso desnivelado da Praia da Barra à A25 para acabar com filas de trânsito

Acesso desnivelado da Praia da Barra à A25 para acabar com filas de trânsito

A Câmara de Ílhavo pretende construir um acesso desnivelado da Praia da Barra à A25, para resolver os congestionamentos de trânsito.

O executivo municipal deliberou adjudicar à empresa Gestrada -- Gabinete de Engenharia de Estradas, Lda., o projeto de execução da Remodelação da Rotunda da Praia da Barra, pelo valor de 46253,00 euros, acrescido de IVA, e um prazo de execução de 60 dias.

É mais uma tentativa da autarquia para fazer face às longas filas que se formam nas vias de acesso à rotunda da Barra, na época balnear e aos fins de semana, devido à elevada afluência às Praias da Barra e Costa Nova, depois de ter há alguns anos reformulado os sentidos de trânsito.

"Irá desenvolver-se uma solução alternativa à rotunda que elimine os pontos de conflito atuais, garantindo e reforçando a segurança de todos os utentes e residentes nestas estâncias balneares", refere a autarquia, em nota pública.

Conforme explicou à Lusa Paulo Costa, vereador da Câmara de Ílhavo, o objetivo é "criar condições rodoviárias para que, em segurança, os automobilistas possam sair da Praia da Barra, sem se cruzarem com os carros que circulam na rotunda" para a Costa Nova.

"Um dos grandes constrangimentos que existe, sobretudo ao final da tarde, no verão, e ao fim de semana, é para sair da Praia da Barra, porque o trânsito fica parado na rotunda que dá acesso à Costa Nova e não se consegue sair. É um incómodo em termos rodoviários e um problema de segurança grave. Enquanto na Costa Nova temos duas saídas possíveis, uma para norte e outra para sul, na Barra só temos uma saída que é a rotunda", explicou.

A solução da Autarquia passa por alterar a saída da Barra, criando uma via dedicada e desnivelada para permitir a saída direta para a Ponte.

"Vamos desnivelar o circuito de trânsito em direção à Ponte, para que quem vem da Praia da Barra não tenho que parar na rotunda, transpondo-a por cima e seguindo viagem para a A25", disse Paulo Costa à Lusa.

Segundo o vereador, na reformulação viária é admitida a possibilidade de vir a refazer a rotunda a uma cota inferior, para que a solução desnivelada não prejudique a vista sobre o mar.

"A questão ambiental e paisagística está salvaguardada no projeto e esse é também o nosso objetivo, podendo eventualmente rotunda vir rebaixada para que o impacto ambiental e visual seja o menor possível", adiantou.

Recomendadas

Conteúdo Patrocinado