Santa Cruz

Turista atirou-se ao mar para apanhar o navio

Turista atirou-se ao mar para apanhar o navio

Uma turista inglesa foi resgatada, pouco depois da meia-noite deste domingo, por pescadores madeirenses, a 500 metros da costa, na zona de Santa Cruz.

A mulher, de 65 anos, chegou no sábado à Madeira, acompanhada do marido, a bordo do navio de cruzeiro "Marco Polo". No entanto, quando este zarpou não se encontrava a bordo. O comandante da Capitania do Funchal, Félix Marques, explicou à Lusa que a senhora terá decidido regressar a Inglaterra de avião, tendo, por isso, ido para a zona de Santa Cruz, onde se localiza o aeroporto.

No entanto, ao ver o "Marco Polo" passar, atirou-se à água, começando a nadar em direção ao navio, agarrada à mala de mão. Por volta da meia-noite, a tripulação de um barco de pesca ouviu-a gritar e resgatou-a.

A turista inglesa acabou por ser internada num hospital psiquiátrico da Madeira.

Recomendadas

Outros conteúdos GM

Conteúdo Patrocinado