Cascais

Bombeiro que salvou manobrador de grua tem medo de alturas

Bombeiro que salvou manobrador de grua tem medo de alturas

O bombeiro que, esta sexta-feira, conseguiu resgatar, de uma altura de 50 metros, o manobrador de uma grua que se sentiu mal, em Carcavelos, assumiu ter receio de alturas.

Nuno Alric, de 33 anos, bombeiro profissional do corpo de Bombeiros de Carcavelos e São Domingos de Rana contou ao jornal online "Cascais24" que esqueceu os medos no momento em que foi confrontado com a missão de salvar alguém em risco de vida.

"Confiar na formação, no material e no trabalho de equipa são os itens mais importantes e a base do sucesso", acrescentou Nuno Alric, bombeiro há 18 anos.

Ao início da tarde desta sexta-feira, os colegas da vítima - que estava em trabalhos na nova faculdade de economia, em Carcavelos - aperceberam-se de que o manobrador não estava bem e acionaram os Bombeiros Voluntários de Carcavelos e São Domingos de Rana, que enviaram socorro.

Segundo o Cascais24, o bombeiro Nuno Alric estava de folga e numa barbearia, na Parede, "a cortar o cabelo e a fazer a barba", quando o comandante ligou a solicitar a sua presença.

"O corte e a barba ficaram a meio, peguei na moto e dirigi-me para o quartel", recordou Nuno Alric, que acabou por partir à civil para o local da ocorrência.

Nuno subiu a grua até ao habitáculo, onde estavam dois outros colegas junto do manobrador. "Ele estava consciente, queixava-se de dores no braço esquerdo e ficou algo nervoso quando o informámos de que iria ser resgatado pelo ar, mas conseguimos convencê-lo de que toda a segurança estava garantida e acabou por confiar no nosso trabalho", lembrou Nuno Alric.

Com o recurso a cabos e cordas e o manobrador em segurança, Nuno Alric iniciou a "descida controlada" até à plataforma giratória de 37 metros dos Bombeiros Voluntários de Alcabideche, cujo apoio fora entretanto pedido pela corporação de Carcavelos e São Domingos de Rana.

Recomendadas

Outros conteúdos GM

Conteúdo Patrocinado