Campo Maior

Morreu a segunda vítima do acidente com cavalos

Morreu a segunda vítima do acidente com cavalos

Aurelina Raimundo, que ficou gravemente ferida no acidente que, na sexta-feira, vitimou mortalmente o seu filho, Bruno, não resistiu aos ferimentos e faleceu ao início da manhã desta quarta-feira no Hospital de São José, em Lisboa.

A mulher de 47 anos era uma das ocupantes da viatura que colidiu com dois cavalos na madrugada de sexta-feira, na Estrada Nacional (EN) 373, entre Elvas e Campo Maior, no distrito de Portalegre. Lina Raimundo, como era conhecida, sofreu várias fraturas, hemorragias e um traumatismo craniano, e encontrava-se em coma desde o acidente que tirou a vida ao seu filho, de 27 anos.

A notícia do falecimento de Aurelina Raimundo confirmada por Marco Raimundo, filho e irmão das vítimas mortais do acidente.

Recomendadas

Conteúdo Patrocinado