Porto

Assembleia Municipal a favor de Rui Moreira e contra a TAP

Assembleia Municipal a favor de Rui Moreira e contra a TAP

A Assembleia Municipal do Porto aprovou, esta segunda-feira à noite, uma moção de "apoio aos esforços de Rui Moreira" contra as decisões da TAP relativamente ao "esvaziamento" do aeroporto Francisco Sá Carneiro.

Todas as forças partidárias votaram favoravelmente, à exceção da CDU, que apresentou uma moção própria.

Manifestar a "profunda discordância com as decisões da TAP" e apelar à "intervenção das entidades políticas com responsabilidade na área da aviação civil" são outros pontos da moção.

Antes da votação, o Bloco de Esquerda pediu um intervalo de cinco minutos para juntar a CDU, mas os comunistas não cederam. A CDU afirmou partilhar as "preocupações" das restantes forças, mas não abdicou de aliar esta ideia à exigência de ter uma "TAP inteiramente pública, com o Estado a ter a gestão e a propriedade".

Na origem da tomada de posição da Assembleia Municipal está a decisão da TAP de extinguir voos para Barcelona, Milão, Roma e Bruxelas. A criação de uma ligação entre Vigo, em Espanha, e Lisboa também contribuiu bastante para o desagrado portuense.

O presidente da Autarquia, Rui Moreira, sublinhou que "nos últimos anos a TAP abandonou o Porto" e lançou a suspeita sobre o interesse de "esgotar rapidamente a capacidade do aeroporto de Lisboa". Antes, já Luís Artur, do PSD, tinha dito que "o que está em causa é a construção de um novo aeroporto em Lisboa".

Recomendadas

Outros conteúdos GM

Conteúdo Patrocinado