Autárquicas 2013

Seara assume derrota e garante que fica em Lisboa

Seara assume derrota e garante que fica em Lisboa

O candidato da coligação "Sentir Lisboa" à Câmara Municipal, Fernando Seara, assumiu a derrota nas eleições autárquicas, frisando que a responsabilidade é "inteiramente" sua.

"A responsabilidade é exclusivamente minha. Fui eu que falhei", repetiu, por duas vezes, este domingo à noite, Fernando Seara, o cabeça de lista da coligação "Sentir Lisboa", apoiada pelo PSD e CDS-PP, garantindo que cumprirá o mandato de vereador.

"O meu amanhã é Lisboa. É e será. Como prometi, estarei com os dois pés em Lisboa, ao dispor de Lisboa", disse o candidato, assumindo pessoalmente a derrota naquela que classificou como "a missão política mais difícil" com que foi confrontado na sua vida política, depois de há 12 anos ter conquistado para o PSD à Câmara de Sintra, numa vitória inesperada.

"Quando se perde, perde-se sozinho. Quando se ganha, ganha-se com todos", disse, "não transferindo responsabilidades para ninguém", embora, no seu discurso, tenha referido os "custos" das medidas "impopulares" que têm sido tomadas pelo Governo.

Seara saudou António Costa pela "vitória indiscutível que alcançou" e não deixou de dar o recado: "espero que respeite o compromisso que assumiu com os seus eleitores e com o povo de Lisboa", disse, numa alusão a uma eventual saída de António Costa do cargo de presidente da Câmara de Lisboa, nos próximo quatro anos, para assumir outras funções.

Seara queixou-se das dificuldades levantadas à sua candidatura e da interpretação da lei por parte da Comissão Nacional de Eleições, que limitou a mediatização da campanha, designadamente pela falta de cobertura das televisões. Mas garantiu que apresentou ideias concretas para Lisboa, e pelas quais se irá bater nos próximos quatro anos.

Na sede de candidatura da coligação o ambiente era de grande desânimo entre os apoiantes. Poucas palmas, nenhumas bandeiras. Uma noite eleitoral que acabou menos de uma hora depois das projeções avançadas pelas televisões às 20 horas.

Relacionadas

Recomendadas

Conteúdo Patrocinado

Outros conteúdos GM