Mundo

Ciclone atinge Austrália no nível máximo

Ciclone atinge Austrália no nível máximo

Milhares de habitantes e turistas foram evacuados devido à aproximação do ciclone tropical "Yasi", que deverá atingir hoje, quarta-feira, a costa nordeste da Austrália, no Estado de Queensland.

Os ventos fortes do ciclone, de categoria 5, o valor máximo na escala Saffir-Simpson, já começaram a ser sentidos na cidade de Cairns, onde começou a chover com intensidade e várias árvores foram derrubadas, indicaram canais de televisão locais.

O Instituto de Meteorologia australiano indicou, no último relatório divulgado, que o ciclone irá atingir a costa oriental de Queensland até às 20 horas (hora de Lisboa), dirigindo-se depois para norte, perto da cidade de Innifail.

"O seu impacto deve ser o pior observado nas últimas gerações", de acordo com o serviço de meteorologia.

O olho do ciclone está calculado em 35 quilómetros de diâmetro e uma frente de 650 quilómetros. Deverá atingir uma zona costeira muito habitada, entre Cairns e Cardwell, duas cidades com cerca de 130 mil habitantes cada.

Estão previstos ventos de 280 km/hora e forte precipitação que poderá causar inundações em cidades turísticas situadas na costa nordeste da Austrália, perto da Grande Barreira de Coral.

Com o ciclone mais próximo da costa, a primeira-ministra do estado de Queensland, Anna Bligh, referiu, numa mensagem transmitida pela televisão, que as operações de evacuação foram canceladas, por ser demasiado tarde para deslocar as pessoas para outros locais.

Na mesma mensagem, a responsável pediu aos habitantes das localidades costeiras para procurarem um refúgio seguro.

O serviço de meteorologia receia que o "Yasi" seja pior nas consequências do que o ciclone "Larry", de categoria 4, que em 2006 destruiu casas e comércios na costa nordeste, causando prejuízos avaliados em mil milhões de dólares.

O sul do Estado de Queensland, que foi a região mais afectada pelas inundações no fim de 2010, deverá escapar ao "Yasi", porque a sua trajectória desviou para o norte.

Recomendadas

Conteúdo Patrocinado

Outros conteúdos GM