Mundo

Colapso de edifício causa um morto em Inglaterra

Colapso de edifício causa um morto em Inglaterra

Pelo menos uma pessoa morreu numa central elétrica em Oxfordshire, Inglaterra, na tarde desta terça-feira. Segundo a Imprensa britânica, uma parte do edifício ruiu.

Testemunhas oculares citadas pelos jornais referiram-se a uma explosão, mas as imagens divulgadas online não mostravam nem fumo nem fogo e, pouco depois, a Imprensa confirmava que uma parte do edifício tinha colapsado.

Trata-se da central elétrica de Didcot. Do incidente resultaram também cinco feridos, que estão hospitalizados, enquanto três outras pessoas são dadas como desaparecidas.

"O nosso edifício abanou e, quando fomos à janela, vimos que a parte final do principal corredor das turbinas tinha colapsado, debaixo de uma enorme nuvem de pó", disse David Cooke ao jornal "The Guardian". A testemunha, que trabalha na Thames Cryogenics, ao lado da central, acrescentou que a nuvem de pó se manteve durante cinco a dez minutos.

O incidente aconteceu numa parte do empreendimento, Didcot A, que está fechada desde 2013 e que já foi alvo de várias demolições. Há planos para outros setores serem demolidos, mas ainda não se sabe se era o caso da área que ruiu.

O setor Didcot B, mais moderno e alimentado a gás, fica mesmo ao lado, mas desconhece-se se a produção de energia elétrica foi afetada pelo incidente.

Conteúdo Patrocinado