Mundo

Corpos das vítimas com avião da LAM trasladados para capital da Namíbia

Corpos das vítimas com avião da LAM trasladados para capital da Namíbia

Os corpos das 33 vítimas do acidente com um avião moçambicano, na sexta-feira no norte da Namíbia, foram trasladados este domingo, por via aérea, para a capital, Windhoek, revela a estação de televisão namibiana "NBC News".

Segundo o investigador criminal Willie Bampton, que tem conduzido as operações de investigação, os corpos e restos mortais dos 27 passageiros - incluindo seis portugueses - e dos seis tripulantes, foram transferidos num aparelho militar da Namíbia.

Serão agora efetuados exames forenses e autópsias às vítimas, desconhecendo-se quando é que serão trasladados para os países de origem.

No caso das seis vítimas portugueses, o secretário de Estado das Comunidades Portuguesas, José Cesário, afirmou hoje à agência Lusa que aguarda informações sobre a trasladação dos corpos, adiantando que será preciso "um reconhecimento pericial".

"Com que rigor é que o farão, não sei. Depende do grau de investigação. Aguardamos mais dados sobre a trasladação", disse o secretário de Estado.

José Cesário afirmou ainda que Portugal disponibilizou equipas forenses, mas não foi feito qualquer pedido oficial de auxílio por parte da Namíbia.

O avião das Linhas Aéreas de Moçambique, que fazia o voo Maputo-Luanda, caiu na sexta-feira no norte da Namíbia, vitimando todos os ocupantes: seis tripulantes e 27 passageiros, entre os quais seis portugueses.

O aparelho foi encontrado no sábado carbonizado no Parque Nacional de Bwabwata.

Conteúdo Patrocinado