Mundo

Estado Islâmico mata oficial russo

Estado Islâmico mata oficial russo

Um conselheiro militar russo foi esta quarta-feira morto na Síria por um morteiro disparado pelos jiadistas do grupo extremista Estado Islâmico.

O oficial russo, destacado numa "guarnição militar" do exército leal ao Presidente sírio, Bashar al-Assad, estava a treinar os soldados sírios na utilização de "novo armamento" quando foi "atingido mortalmente" por um morteiro na segunda-feira, de acordo com o ministério, que não precisou onde ocorreu o ataque imputado ao EI.

O conselheiro militar é o terceiro cidadão russo morto desde que Moscovo iniciou a sua intervenção militar na Síria, a 30 de setembro de 2015.

Conteúdo Patrocinado