Turismo

EUA alertam cidadãos para "potenciais riscos" de viagens à Europa

EUA alertam cidadãos para "potenciais riscos" de viagens à Europa

Os Estados Unidos advertiram os seus cidadãos para os "potenciais riscos" de viagens na Europa na sequência de uma série de ataques terroristas, o mais recente dos quais em Bruxelas, que provocou a morte a 34 pessoas.

"O Departamento de Estado alerta os cidadãos norte-americanos para os riscos de deslocação de e para toda a Europa após vários ataques terroristas, incluindo os ataques de Bruxelas reivindicados pelo grupo extremista Estado Islâmico", refere o Governo norte-americano.

"Os grupos terroristas continuam a planear ataques a curto prazo em toda a Europa, visando eventos desportivos, locais turísticos, restaurantes e transportes", acrescentou num alerta de viagem que expira a 20 de junho.

Na nota, o Departamento de Estado alerta os cidadãos norte-americanos para a necessidade de estarem vigilantes quando estão em locais públicos ou a usar transportes públicos.

O Departamento de Estado recomenda também aos cidadãos norte-americanos para evitarem locais com muita gente e para terem especial cuidado durante os feriados religiosos, grandes festivais e eventos.

"Nós trabalhamos de perto com os nossos aliados e vamos continuar a partilhar informações com os nossos parceiros europeus, que vão ajudar a identificar e combater as ameaças terroristas", salientou o Departamento de Estado.

Conteúdo Patrocinado