O Jogo ao Vivo

Incêndios

Portugal aciona Mecanismo Europeu de Proteção Civil

Portugal aciona Mecanismo Europeu de Proteção Civil

Portugal acionou o Mecanismo Europeu de Proteção Civil. A ministra da Administração Interna espera apoios de outros países já a partir de domingo para ajudar no combate aos incêndios.

A decisão, explicou Constança Urbano de Sousa à agência Lusa, foi tomada por "uma questão de prudência", tendo em conta as previsões meteorológicas para os próximos dias, que "não são animadoras".

A ministra da Administração Interna deslocou-se este sábado à noite ao comando da Proteção Civil, em Carnaxide, para se "inteirar do ponto da situação dos incêndios a nível nacional".

Em declarações à Lusa, a governante reconheceu que a situação "não está fácil", porque tem havido muitos focos de incêndio, alguns de grande dimensão.

Constança Urbano de Sousa admitiu que muitos dos atuais incêndios serão debelados durante a noite, mas frisou que por uma "questão de prudência", e considerando as previsões meteorológicas, foi feito o pedido de "módulos aéreos e terrestres".

O Mecanismo Europeu de Proteção Civil é um mecanismo comunitário para facilitar a cooperação no quadro de intervenções de socorro da Proteção Civil, como uma "pool" de meios que os Estados disponibilizam para situações de proteção civil.

O mecanismo foi acionado durante o incêndio de junho em Pedrógão Grande e recentemente também foi acionado por países como a França ou a Itália, lembrou a ministra, acrescentando que também Portugal tem apoiado outros países através do mecanismo (por exemplo sismos em Itália e na Turquia, esta que não faz parte da União Europeia, mas está incluída no mecanismo).

Constança Urbano de Sousa espera respostas a partir de domingo e acredita que vão chegar meios aéreos e terrestres, nomeadamente de Espanha, "que sempre tem prestado uma enorme ajuda" e tem colaborado na luta contra os incêndios com meios aéreos ao abrigo de um acordo bilateral.

Recomendadas

Conteúdo Patrocinado