Superior

Reitoria do Minho sabia de praxes com suástica

Reitoria do Minho sabia de praxes com suástica

Denúncia, feita em outubro do ano passado, não teve resposta. Há vários relatos de uso de símbolos nazis em atividades de praxe.

Desde o dia 26 de outubro do ano passado que a Reitoria da Universidade do Minho (U. Minho) sabe que, nas imediações da instituição, estão a ser realizadas praxes usando braçadeiras com cruzes suásticas e saudações nazis. Nesse dia, "bastante incomodado" com o que viu, José Carlos Fernandes telefonou para os serviços académicos e, posteriormente, enviou um email para os Serviços de Ação Social e outro para o Gabinete de Comunicação, Informação e Imagem.

Leia mais na versão e-paper ou na edição impressa.

Recomendadas

Conteúdo Patrocinado

Outros conteúdos GM