Governo quer "privatizar parte" da Segurança Social

14/04/2012
O secretário-geral do PCP, Jerónimo de Sousa, disse este sábado que o Governo quer "privatizar parte da Segurança Social" ao admitir um sistema misto público/privado.
 
Governo quer "privatizar parte" da Segurança Social
foto Arquivo
Líder do PCP acusa Governo

"O Governo o que quer é privatizar parte da segurança social, particularmente os descontos mais significativos", disse aos jornalistas Jerónimo de Sousa, à margem de uma manifestação em defesa do Serviço Nacional de Saúde.

O líder dos comunistas reagia às declarações de hoje do ministro da Solidariedade e Segurança Social, Pedro Mota Sares, que admitiu que o futuro da Segurança Social pode passar por um sistema misto público/privado.

Para Jerónimo de Sousa, o ministro está a avançar "com a ideia do plafonamento dos descontos para a segurança social".

"O Governo está preocupado com os descontos mais altos de muitos trabalhadores que inevitavelmente teriam que ir para o privado", adiantou o secretário-geral do PCP.

Jerónimo de Sousa sublinhou ainda que o Governo "não está a pensar numa velhice ativa", mas sim "em prolongar o tempo para adquirir o direito à reforma, sabendo que muitos portugueses perdendo o emprego e o fundo de desemprego ficam sem alternativa".

 
 
 
subscreva já
newsletter diária jn
Receba diariamente no seu e-mail a Newsletter do JN e alertas de última hora
subscrever

 
 
Mais Nacional
30.06.15
O concurso 52/2015 do Euromilhões tem em jogo, no primeiro prémio, cerca de 15 milhões de euros.
30.06.15
As taxas de retenção no ensino básico estão a diminuir, segundo as últimas estatísticas de educação, que mostram também que há menos 50 mil alunos...
Comentar
Caracteres Disponíveis: 750
Enviar Comentário
Obrigado! O seu comentário ficará visível dentro de momentos.
Ocorreu um erro. Tente novamente mais tarde.

Nota: Os comentários deste site são publicados sem edição prévia e são da exclusiva responsabilidade dos seus autores.
Consulte a Conduta do Utilizador, prevista nos Termos de Uso e Política de Privacidade. O JN reserva-se ao direito de apagar os comentários que não cumpram estas regras. Aparecer como anónimo - os dados (nome e-mail) são ocultados.
Os comentários podem demorar alguns segundos para ficarem disponíveis no site.

 

Mais Lidas
25.06.15
Em plena luz do dia, um grupo de traficantes conseguiu descarregar droga numa praia espanhola cheia de veraneantes, sem qualquer problema. Veja o...


Global Notícias - Media Group S.A. Todos os direitos reservados
Termos de Uso e Política de Privacidade |  Ficha Técnica |  Quem Somos |  Contactos |  Webmaster This website is ACAP-enabled