segurança

Advogado de Paco Bandeira julgado por violência doméstica

Advogado de Paco Bandeira julgado por violência doméstica

O advogado de Paco Bandeira no caso de violência doméstica em que o cantor foi condenado está acusado do mesmo crime e ainda de sequestro. O julgamento realiza-se logo na reabertura do ano judicial.

Fernando Martins Figueiredo, de 53 anos, não só não ilibou o mediático cliente Paco Bandeira do crime de violência doméstica, como enfrenta agora uma acusação idêntica. Aliás, mais grave, porque em audiência de julgamento já marcado para o dia 17 de setembro o causídico vai responder ainda pelos crimes de sequestro, violação de domicílio, ameaça e furto.

Além disso, O tribunal da Guarda ordenou que, para além de prestar termo de identidade e residência, o arguido fica proibido de "contactar, procurar ou frequentar a casa ou o local de trabalho da vítima". A medida sugerida pelo Ministério Público foi entretanto confirmada judicialmente e comunicada à PSP, visando proteger a mulher, de 47 anos, com quem Fernando Figueiredo viveu maritalmente e, que neste processo, também está acusada de um crime de ofensa à integridade física simples.

Leia mais na edição e-paper ou na edição impressa

Recomendadas

Conteúdo Patrocinado

Outros conteúdos GM