segurança

Casino paga 85 mil euros a médico viciado no jogo

Casino paga 85 mil euros a médico viciado no jogo

O vício levou um médico a derreter, durante dois anos, 2500 euros por noite de jogo. Agora conseguiu a condenação do Casino de Espinho a pagar 85 mil euros. Porque estava interdito e não lhe foi proibida a entrada.

Apostador compulsivo na banca francesa, o licenciado em Medicina e também em Medicina Dentária, dono de clínica e quintas vinícolas no Douro, gastou os cinco mil euros mensais que recebia no seu trabalho e perdeu dinheiro emprestado por bancos e amigos. Para continuar a apostar forte, ainda vendeu os carros, as joias da mulher e uma quinta por um terço do preço de mercado.

Ler mais na versão e-paper ou na edição impressa

Recomendadas

Conteúdo Patrocinado