segurança

Mãe condenada a 24 anos de prisão por matar os dois filhos em Alenquer

Mãe condenada a 24 anos de prisão por matar os dois filhos em Alenquer

Kelly Oliveira, a mulher que em dezembro do ano passado deitou fogo à casa matando os dois filhos, de um e dois anos de idade, foi condenada, esta segunda-feira, pelo Tribunal de Alenquer a 24 anos de prisão pelos dois crimes de homicídio qualificado, um de dano e outro de maus tratos. Foi ainda condenada à expulsão do país.

O Tribunal de Alenquer vincou que a cidadã brasileira agiu motivada por vingança, de forma fria e calculista e "não olhou a meios para atingir os seus fins".

De acordo com a acusação do Ministério Público, a mulher terá aproveitado o facto de estar sozinha em casa com os dois filhos para os fechar no quarto, deitá-los na cama e incendiar aquela divisão, ateando fogo a um sofá com um isqueiro. Depois fez as malas e, antes de se pôr em fuga, deixou uma carta ao companheiro e pai das crianças, responsabilizando-o. A seguir, terá telefonado à sogra a dizer que tinha morto as crianças.

A cidadã brasileira, de 32 anos, disse em julgamento que estaria arrependida de ter cometido os crimes, mas assumiu que agiu por vingança, confessando não se arrepender de se ter vingado do marido, a quem acusou de não lhe dar atenção.

Recomendadas

Conteúdo Patrocinado

Outros conteúdos GM