segurança

PSP detém homem por tentativa de furto de canhão militar

PSP detém homem por tentativa de furto de canhão militar

A Polícia de Segurança Pública deteve terça-feira à noite um homem por tentativa de furto de um canhão militar no quartel da Parede, disse, esta quarta-feira, uma fonte desta força de segurança.

Uma patrulha da PSP deteve em flagrante delito um homem que estava a "desmantelar o que resta de um canhão militar, no quartel da Parede", referiu a fonte que acrescentou "ser recorrente as instalações serem vandalizadas".

A Lusa contactou o Estado-maior do Exército sobre este assunto que adiantou não ter nenhum soldado nas instalações do quartel da Parede já que se trata "de um edifício militar para alienar e que já não pertence ao ramo", disse o porta-voz do comando.

"Todo o material militar foi retirado antes da entrega das instalações", referiu o porta-voz do comando de Exército, tenente-coronel Jorge Pedro, acrescentando ter conhecimento de "até pedras já foram furtadas do edifício".

O quartel da Parede "faz parte da lista de antigos edifícios do Exército que o Estado pretende alienar", concluiu o tenente-coronel.

Recomendadas

Outros conteúdos GM

Conteúdo Patrocinado