segurança

Suspeito de crime em Soure continua hospitalizado

Suspeito de crime em Soure continua hospitalizado

O homem suspeito de ter assassinado a mulher e uma filha, deixando ainda outra em estado grave, em Soure, permanece nos Hospitais da Universidade de Coimbra "sob custódia" da Polícia Judiciária.

Fonte policial citada pela agência Lusa, disse que, às 12 horas, o detido de 49 anos ainda estava "internado com ferimentos ligeiros" nos Hospitais da Universidade de Coimbra, do Centro Hospitalar e Universitário de Coimbra (CHUC), devendo ser apresentado em tribunal para interrogatório depois de ter alta.

Uma fonte hospitalar disse que o presumível agressor encontra-se no Serviço de Urgência dos HUC-CHUC "a fazer exames complementares de diagnóstico" e que a sua situação clínica "está estável".

A sua filha de 13 anos também "está estável", permanecendo "internada na Unidade de Cuidados Intensivos do Hospital Pediátrico", acrescentou a fonte dos CHUC.

Uma mulher de 47 anos e a sua filha de 16 anos morreram na madrugada desta segunda-feira, em Soure, enquanto a outra filha, de 13 anos, ficou ferida com gravidade, na sequência de um ataque com arma branca atribuído ao marido e pai das vítimas.

Recomendadas

Conteúdo Patrocinado

Outros conteúdos GM