fraude

Fraude e corrupção na Saúde chega aos 500 milhões de euros

Fraude e corrupção na Saúde chega aos 500 milhões de euros

A PJ vai incrementar as investigações preventivas aos casos de fraude e corrupção à volta de médicos e técnicos do Serviço Nacional de Saúde. Em Portugal, a fraude no sector pode valer quase 500 milhões de euros, de acordo com estimativas do ministro da tutela.

Paulo Macedo mostrou-se ainda satisfeito com a prioridade que os processos de inquérito aos casos suspeitos de fraude contra o SNS estão a ter e que é "idêntica à de crimes com presos preventivos", e disse ter conhecimento de "várias investigações" que estão a decorrer no Ministério Público ou, ainda, no âmbito da Polícia Judiciária.

Leia mais na edição e-paper ou na edição impressa

Recomendadas

Conteúdo Patrocinado