Sociedade

Ministério da Saúde garante que não vai encerrar maternidades

Ministério da Saúde garante que não vai encerrar maternidades

O Ministério da Saúde garantiu, esta segunda-feira, que não irá encerrar qualquer maternidade no seguimento da portaria publicada quinta-feira que categoriza os hospitais do Serviço Nacional de Saúde.

A garantia do Ministério de Paulo Macedo surge após o presidente da Federação Distrital de Bragança do PS, Jorge Gomes, ter acusado, esta segunda-feira, o Governo de se preparar para encerrar a única maternidade do nordeste transmontano com a nova categorização dos estabelecimentos de saúde.

"O Ministério da Saúde informa e garante que, no âmbito do diploma em questão, o encerramento da maternidade da Unidade Local de Saúde do nordeste transmontano, ou de qualquer outra maternidade, não se coloca", lê-se no esclarecimento.

A mesma nota revela que a Administração Central do Sistema de Saúde (ACSS) irá "publicar brevemente um conjunto de informação relacionada com a aplicação" da portaria.

O Ministério da Saúde diz ainda estar "disponível para prestar todos os esclarecimentos, de forma a evitar interpretações erróneas, geradoras de desinformação e alarme junto das populações".

A portaria determina que as instituições hospitalares cumprem as reorganizações propostas até 31 de dezembro de 2015.

Recomendadas

Conteúdo Patrocinado

Outros conteúdos GM