centro

Obras da ETAR de Santana já arrancaram

Obras da ETAR de Santana já arrancaram

A empreitada de construção do sistema de saneamento da Estação de Tratamento de Águas Residuais (ETAR) da freguesia de Santana, Figueira da Foz, já arrancou e deverá estar concluída "até ao final do ano".

A obra, co-financiada pela empresa Águas da Figueira e pela Câmara Municipal (CMFF) local, representa um investimento na ordem dos 350 mil euros, a que se acrescem 1,5 milhões de euros para os trabalhos da rede de saneamento.

De acordo com Fernanda Oliveira, presidente da Junta de Freguesia de Santana, a ETAR, "há muito reclamada pela população", vai permitir tratar dos afluentes de mais de seis mil habitantes de três freguesias limítrofes (Santana, Ferreira-a-Nova e Moinhos da Gândara).

"O saneamento e o tratamento dos esgotos domésticos é uma necessidade básica da população que, com estas intervenções, vê melhorar a sua qualidade de vida. Os trabalhos de construção da ETAR já foram iniciados e, se os prazos forem cumpridos, deverão estar concluídos até ao final do ano", disse, ao JN, a autarca eleita pelo PSD.

De acordo com José Elísio Oliveira, vereador do Ambiente da CMFF, este investimento está previsto no contrato de concessão da autarquia com as Águas da Figueira, que antevê uma verba de 5,5 milhões de euros destinada à melhoria do abastecimento de água e saneamento do concelho.

O vereador que tutela a pasta da Água e Saneamento avançou que, no âmbito do contrato-programa com a Águas da Figueira, "está para breve" o inicio da reformulação da rede abastecimento ao sul, que integra a construção de novas condutas adutoras da ETAR de Vila Verde à Salmanha, a construção de um reservatório elevado na Salmanha e as condutas subterrâneas que atravessarão o rio Mondego.

Para Setembro próximo está previsto para o arranque das obras do colector que liga a Ponte do Galante à Praça da Europa, e posterior ligação à ETAR da zona urbana.

ver mais vídeos