cultura

Rita Guerra experimenta cantar dois fados ao vivo

Rita Guerra experimenta cantar dois fados ao vivo

A cantora Rita Guerra apresenta-se na próxima segunda-feira no Coliseu dos Recreios, onde irá cantar dois fados, além de interpretar temas do seu último álbum, "Rita", que ultrapassou as 40.000 unidades vendidas.

Fonte da sua produtora disse à Lusa que "Rita Guerra vai experimentar cantar dois fados, para ver a reacção do público".

Acompanhada à guitarra portuguesa por José Manuel Neto e à viola por Carlos Manuel Proença, Rita Guerra irá cantar um tema do repertório de Amália Rodrigues, "Gaivota" (Alexandre O'Neil/Alain Oulman) e um inédito de Paulo Martins, "Teresa triste".

Rita Guerra conta ainda com três convidados, o saxofonista Naná Sousa Dias, e os cantores Paulo de Carvalho e o estreante Rui Andrade. Com Paulo de Carvalho partilhará a interpretação de "Pormenores sem a mínima importância", um dos seus primeiros êxitos, com assinatura de Rui Veloso.

Rui Andrade, saído de um concurso de novos talentos da TVI, interpretará com a cantora "Brincando com o fogo" (R. Guerra/Beto).

No palco do Coliseu dos Recreios, em Lisboa, Rita Guerra, acompanhada por uma banda de seis músicos e quatro vozes femininas, "cantará temas do último álbum, assim como recuperará temas dos álbuns anteriores". A direcção musical está a cargo de Alexandre Manaia.

Segundo a mesma fonte, este concerto, com início marcado para as 21horas de segunda-feira, corresponde "a uma vontade já antiga da cantora de cantar ao vivo e numa sala com a lotação do coliseu lisboeta".

Rita Guerra começou a cantar em meados da década de 1990. Em 2003 editou "Deixa-me sonhar (Só mais uma vez)" que se saldou por um êxito de vendas.

No ano passado editou "Rita", que vendeu mais de 40.000 unidades.

ver mais vídeos