minho

Rodman fabrica barcos a partir de Janeiro

Rodman fabrica barcos a partir de Janeiro

Anova unidade industrial do Grupo Rodman Lusitânia - Construção e Reparação Naval SA começará a laborar em Janeiro do próximo ano, no Parque Empresarial de Valença.

O projecto de investimento, em Valença, uma unidade industrial para o fabrico de embarcações especiais e de recreio até 12 metros de comprimento, empregará tecnologias avançadas em construção naval em poliester reforçado com fibra de vidro (PRFV).

O investimento inicial ascende a um montante total de 10,5 milhões de euros, dos quais 540 mil euros serão destinados à formação e qualificação profissional de mais de 200 trabalhadores. Está prevista a criação de 400 postos de trabalho indirectos.

A unidade industrial está pronta e tem capacidade para produzir 220 embarcações anuais, que representarão um volume de vendas de 21 milhões de euros no fim do ano. O projecto estima para os períodos seguintes uma facturação de 28 milhões de euros entre 2007 e 2009, e de 30 milhões de euros em 2010.

Recorde-se que, na cerimónia de assinatura do contrato de investimento celebrado entre a API- Agência Portuguesa para o Investimento - e a Rodman, no ano passado, o presidente do Grupo Rodman, o galego Manuel Rodrigues, salientou que a proximidade de Valença, as boas vias de comunicação com Vigo e o bom acolhimento foram determinantes na selecção da localização.

Outras Notícias

Outros Conteúdos GMG