porto

Tradição do carneiro em Penafiel

Tradição do carneiro em Penafiel

Milhares de crianças das escolas básicas do concelho de Penafiel e centenas de carneiros saíram ontem à rua, cumprindo, desse modo, a tradição. Anualmente, na véspera do dia do Corpo de Deus, os alunos colectam-se entre si e oferecem ao professor um animal porque, segundo a tradição penafidelense, no Dia do Corpo de Deus não pode faltar à mesa o carneiro assado no forno (ou anho). A tradição do carneirinho tem origem na feira dos carneiros (meados do século XIX) que se realizava na cidade precisamente em vésperas do dia santo. Depois de receber a oferenda, o professor presenteia os alunos com uma merenda. Na actualidade, além dos carneiros, os pais oferecem frutas e legumes e outras iguarias enquanto a criançada grita versos alusivos aos docentes. Em Penafiel existe um monumento erguido ao carneirinho, da autoria de Irene Vilar, recentemente falecida.

Milhares de crianças em desfile pelas ruas

Outras Notícias