Exclusivo

Américo Rodrigues quer mudar a paisagem cultural nacional

Américo Rodrigues quer mudar a paisagem cultural nacional

Diretor-geral das Artes falou ao JN sobre o que se segue no ambicioso programa da Rede Nacional de Teatros e Cineteatros Portugueses que deverá entrar em funcionamento pleno em 2022.

Ultrapassada a fase de credenciação, que terminou em agosto, e à qual se candidataram 89 entidades, a Rede de Teatros e Cineteatros Portugueses (RTCP) chegou a uma lista de 81 entidades credenciadas no primeiro processo realizado.

Até ao dia 22 de novembro decorre a fase de apoio à programação, para a qual estão disponíveis 24 milhões de euros para distribuir pelos próximos quatro anos (seis milhões por ano). Nesta fase concorrem apenas 80 entidades, já que o Coliseu Porto Ageas fica automaticamente excluído, uma vez que as instituições artísticas do Porto e Lisboa estão impedidas de concorrer até 2023, para cumprir os objetivos de coesão territorial, avançou ao JN Américo Rodrigues, diretor-geral das Artes.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG