Disney

"Hipocrisia": as críticas de Peter Dinklage ao remake de "Branca de Neve e os sete anões"

Maria Campos

Peter Dinklagr

Foto Ap

Os planos da Disney de filmar um remake em formato "live-action" de "Branca de Neve e os sete anões" este ano estão a ser fortemente criticados pelo ator Peter Dinklage.

Peter Dinklage, que tem uma condição chamada acondroplasia que causa nanismo e foi um dos grandes protagonistas da série "Guerra dos Tronos" (Tyrion Lannister), defendeu que "há muita hipocrisia" por parte dos produtores da Disney, que querem fazer um remake do clássico conto dos Irmãos Grimm.

Isto porque Rachel Zegler, uma atriz americana de ascendência colombiana, foi escolhida para o papel de Branca de Neve, o que foi visto como positivo para a comunidade latina dos EUA.

Rachel Zegler vai ser a "Branca de Neve" do novo remake da Disney

Foto: AFP

Embora assinalando o progresso feito ao nível da inclusividade, com a escolha de Zagler, critica, por outro lado, a intenção de voltar a uma história que reafirma estereótipos sobre pessoas com nanismo. "Eles estavam tão orgulhosos disso", disse Dinklage, num episódio do podcast "WTF". "És progressista de certa forma [ao incluir Zegler], mas ainda está a realizar uma história retrógrada sobre sete anões que vivem juntos numa caverna. (...) Não faz sentido para mim".

Dinklage disse que seria audacioso colocar "uma reviravolta divertida ou progressiva" na história dos Irmãos Grimm. Porém, duvida que isso aconteça.

Por sua vez, a Disney garantiu, em comunicado, que o filme será uma versão atualizada do filme original de 1937. "Estamos a adotar uma abordagem diferente para esses sete personagens e consultámos membros da comunidade de nanismo. Teremos o maior prazer em partilhar mais detalhes à medida que a produção avança, após um longo período de desenvolvimento", rematou.

"Branca de Neve" é um conto de fadas que os irmãos Jacob e Wilhelm Grimm adaptaram nas obras no século XIX. Em 1937, Walt Disney fez a sua própria versão, "Branca de Neve e os Sete Anões", a primeira longa-metragem de animação da empresa. Os anões receberam características físicas proeminentes, como narizes, bochechas e orelhas grandes, e foram retratados como mineiros rudimentares que cuidam de Branca de Neve, uma princesa exilada na floresta.