Espanha

Atriz de "Casa de Papel" trabalha como enfermeira para ajudar na luta contra o coronavírus

Atriz de "Casa de Papel" trabalha como enfermeira para ajudar na luta contra o coronavírus

Além de atriz, Clara Alvarado é também enfermeira e deixou os palcos e as câmaras para ajudar na luta contra a pandemia, num hospital de Madrid.

Clara Alvarado, que interpretou "Ariadna" na primeira e segunda temporadas da séries espanhola "La Casa de Papel", sempre quis ser atriz e, quando contou à família, o pai e a mãeaconselharam-na a ter um plano B, dada a instabilidade da profissão. Assim, Clara, de 29 anos, decidiu também tirar o curso de enfermagem, que nunca chegou a exercer, por ter tido oportunidade de singrar no mundo do espetáculo. Até agora.

Conhecida do público por ter interpretado o papel de refém em "La Casa de Papel", uma das séries de maior sucesso, Clara trocou os palcos e as câmaras para exercer aquele que era o "plano B" e ajudar na luta contra a pandemia da Covid-19.

"Decidi começar na semana passada. Na terça e na quarta vi que as coisas estavam a ficar muito, muito feias, principalmente em Madrid. Tenho muitas enfermeiras amigas com quem tinha contacto quase diariamente. Estava consciente da falta que havia de profissionais de saúde e senti a necessidade de ajudar", começou por contar em entrevista ao jornal espanhol "La Vanguardia", explicando que, depois de ter terminado o curso na Universidad Complutense, em 2012, nunca tinha exercido.

"Queria encontrar um lugar onde pudesse ajudar sem ser um estorvo. E encontrei [está num centro comunitário em Madrid, a acompanhar idosos]. Explicaram-me que não era a única com falta de experiência e que havia coisas que podia fazer. Deram-me muita confiança e segurança e senti uma necessidade moral e ética de estar na linha da frente", acrescentou.

Desde o início da pandemia, Espanha regista um total de 56.188 casos de Covid-19, dos quais 4089 morreram e 7015 tiveram alta e são considerados curados.

Outras Notícias

Outros Conteúdos GMG