Nova Iorque

Auto-retrato de Warhol vendido por 27 milhões de euros em leilão

Auto-retrato de Warhol vendido por 27 milhões de euros em leilão

Um auto-retrato do artista americano Andy Warhol (1928-1987) foi vendido esta quarta-feira por 38,4 milhões de dólares (cerca de 27 milhões de euros) pela Christie's, em Nova Iorque.

O valor atingido na quarta-feira à noite é o mais elevado de sempre alcançado por um auto-retrato do artista pop em leilão, segundo a leiloeira.

Esta obra, criada em 1964 sobre fotografias com diferentes tons de azul, e tida como a primeira a ser realizado pelo "pai da pop art", foi também a mais cara vendida no leilão em Nova Iorque.

Um outro auto-retrato do mesmo artista foi vendido por 27,5 milhões de dólares (19,4 milhões de euros) e uma tela do artista expressionista Mark Rothko (1903-1970) atingiu 33,6 milhões de dólares (23,7 milhões de euros).

O auto-retrato de Warhol "é um dos trabalhos mais icónicos do artista", comentou o responsável da Christie's para a arte pós-guerra e contemporânea, Koji Inoue.

A obra de Rothko que alcançou um valor mais elevado chama-se "Untitled No. 17", e foi criada em 1961.

O leilão da Christie's rendeu globalmente 301,6 milhões de dólares (213,1 milhões de euros).

PUB

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG