Exclusivo

Concertos de ano novo animam salas em várias cidades de Portugal

Concertos de ano novo animam salas em várias cidades de Portugal

O concerto de Ano Novo é uma instituição vienense que se espalhou pelo Mundo. Uma instituição à prova de vírus, a julgar pela aposta generalizada nesse marco da programação musical, tanto nas principais salas de Lisboa e Porto como em palcos de Norte a Sul.

Na Invicta, a Casa da Música tem espetáculo em dose dupla, às 19.30 horas de dia 8 e às 11 horas de 10 de janeiro, numa recriação do programa ouvido à Filarmónica de Viena em 1939, dirigida por Clemens Krauss. O maestro austríaco preencheu o alinhamento com obras de Johann Strauss II, entre valsas e aberturas de óperas. Tudo agora recriado pela Orquestra Sinfónica do Porto Casa da Música, sob direção do inglês Martin André.

O repertório que a Orquestra Gulbenkian vai apresentar entre 6 e 8 de janeiro (às 21 horas no primeiro e segundo dias, às 19 horas no último) no Grande Auditório da fundação homónima, em Lisboa, também não escapa à visita a Strauss II, colocando-o numa sessão ao lado de peças de outros autores do século XIX: Franz von Suppé, Léo Delibes, Hans Christian Lumbye, Giacomo Puccini, Joseph Hellmesberger Sr., Johannes Brahms e Franz Lehár (o mais jovem do lote, com quase todo o percurso feito no século XX). A maestrina russa Elena Schwarz conduz a orquestra e haverá intervenção da soprano australiana Siobhan Stagg.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG