Escritora

Corpo de Maria Velho da Costa esteve 11 dias no Instituto de Medicina Legal

Corpo de Maria Velho da Costa esteve 11 dias no Instituto de Medicina Legal

Os restos mortais de Maria Velho da Costa ficaram no Instituto de Medicina Legal, em Lisboa, durante 11 dias, denunciou a família. Autora morreu a 23 de maio, mas funeral só será este domingo.

Foi uma situação inusitada. No dia em que Maria Velho da Costa morreu, revelou o filho João Sedas Nunes, o corpo foi levado para o Instituto de Medicina Legal (IML) "para se proceder à autópsia que determinaria a causa de morte e despistaria a presença no organismo da covid-19."

Acontece que Sedas Nunes perguntou, "por duas vezes", se era preciso contactar o IML para saber quando poderia ser feito o levantamento do corpo e tratar das cerimónias fúnebres. "Por duas vezes foi-me categoricamente dito que me deveria abster dessa iniciativa, aguardando comunicação do Instituto de Medicina Legal que seria realizada mal a autópsia fosse concluída", afirmou o professor de Sociologia da Universidade Nova de Lisboa, num post no Facebook.

Mas a espera tornou-se demasiado difícil e "quase 11 dias transcorridos (...) 'descobri' que os procedimentos da autópsia haviam sido finalizados no dia 25 de maio, estando dessa data em diante o corpo em depósito no IML a aguardar que a família o fosse buscar."

Num post posterior, publicado esta sexta-feira, o filho da autora acrescentou não ter nada a apontar "aos agentes do Estado com os quais interagi na noite fatídica. Médicos do INEM, polícias e bombeiros, todos eles, sem exceção, se portaram à altura, com profissionalismo e total respeito". Mas não deixa de criticar a "gestão digamos assim fleumática da informação pelo Estado", apontando o dedo ao Ministério Público, que, acrescentou, é "a autoridade com a competência de conduzir legitimamente o processo de fio a pavio".

As exéquias de Maria Velho da Costa realizam-se a partir deste sábado em Lisboa com o velório marcado para as 17.30 horas, na Igreja do Santo Condestável. O funeral será no domingo à tarde, no cemitério dos Olivais.

Outras Notícias