O Jogo ao Vivo

Cultura

Desenhos de britânicos para ver no "Lugar"

Desenhos de britânicos para ver no "Lugar"

Questionar o significado da pedagogia e da prática do desenho é, possivelmente, o desafio maior que propõe "Drawing breath", ("Respirar arte", em português), a mostra colectiva que decorre no Lugar do Desenho/Fundação Júlio Resende, em Gondomar.

Catorze artistas ingleses, que também são professores de arte, desafiam o público português a reflectir sobre o desenho e simultaneamente sobre o artista e o pedagogo.

O repto é assim lançado através de "Drawing breath", a colectiva constituída por artistas, alguns de referência internacional, como Jane Ball, John Devane, Dave King, Graham Chorlton, Jonathan Waller ou Mandy Havers.

Neste conjunto de obras (desenhos) evidencia-se fundamentalmente a consciência e a responsabilidade que o acto de desenhar acarreta e naturalmente, em relevo, a não menor responsabilidade de trazer à "sentença pública", o resultado dessa mesma atitude. A particularidade centra-se no facto de o desafio à análise e reflexão da relação entre o desenho e o ensino ser, precisamente, no "Lugar do Desenho", casa-mãe de um dos maiores desenhores e docente durante muitos anos, Júlio Resende. A mostra acaba assentar com toda a propriedade neste lugar privilegiado do desenho.

A organização da mostra, em texto de apresentação, menciona, que "quando se desenha, em geral para nós próprios e connosco, é um complexo mundo de enunciados e de proposições que se importam julgar em função de um êxito desconhecido. Ser pedagogo e cultivar essa consciência- refere o mesmo texto - mostrando-o em prática disciplinada e sensível é tarefa que não está ao alcance de qualquer artista. Mas não será possível existir bom pedagogo se por detrás não existir um bom artista".

Esta exposição proporciona, então, o confronto com a personalidade de cada autor, que, garante a organização, "se tem dedicado à formação de gerações de outros tantos artistas protagonistas, eles também da arte contemporânea britânica".

John Devane, um dos artistas representados, considera que esta iniciativa "é uma oportunidade de testar novas ideias e métodos na produção de desenhos - possivelmente desafiando certas ortodoxias - mas, ao mesmo tempo, contendo algumas das convenções associadas com o registo do meio gráfico".

PUB

Ainda de acordo com o mesmo artista, as obras que integram esta exposição "fornecem um contraponto interessante a todas as ideias pré-concebidas sobre o que o Desenho deveria ser ou não ser. Em outras palavras - diz John Devane - os trabalhos são, num escala ampla e diversa, dissipados em termos de método e intenção e qualquer tentativa de agrupá-los seria, provavelmente, pura insensatez".

"Respirar arte" integra desenhos de Jane Ball, Glyn Brewerton, Graham Chorlton, John Devane, Dutton and Swindells, Vanda Harvey, Mandy Havers, Jill Journeaux, Ave King, Peter Mccarthy, Brigid Mcleer, Ranald Sherriffs, George Sherlock, Jonathan Waller e John Yeadon.

Acrescente-se, por outro lado, que a mostra em causa resulta também da troca de conhecimento entre alguns professores da Faculdade de Belas-Artes do Porto e a School of Art and Design da Coventry University.

Esta exposição colectiva que poderá ser vista até ao dia 15 de Outubro é o resultado de uma parceria entre o Lugar de Desenho/Fundação Júlio Resende e a Coventry University.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG